Trigo fecha estável em Chicago antes de dados da safra nos EUA

11/08/2021 - 17:01
Trigo
Duas importantes consultorias agrícolas na Rússia, maior exportador mundial de trigo, cortaram suas estimativas para a safra de trigo de 2021 do país devido ao clima quente e seco (Imagem: REUTERS/Enrique Marcarian)

Os contratos futuros do trigo negociado em Chicago fecharam estáveis nesta quarta-feira, com os traders ajustando suas posições antes do relatório de safra do governo dos Estados Unidos, um dia após os preços saltarem diante de preocupações sobre aperto de estoques mundiais.

O Departamento de Agricultura dos EUA (USDA, na sigla em inglês) deve publicar uma atualização sobre a oferta e demanda mundial de grãos no relatório mensal da quinta-feira.

A baixa produtividade na safra de trigo de inverno da Rússia, o dano na safra do trigo de primavera devido à seca na América do Norte e as fortes chuvas durante a colheita da União Europeia aumentaram a incerteza sobre a disponibilidade de suprimento para exportação.

Duas importantes consultorias agrícolas na Rússia, maior exportador mundial de trigo, cortaram suas estimativas para a safra de trigo de 2021 do país devido ao clima quente e seco.

O USDA deve “fazer grandes mudanças em sua estimativa de produção global de trigo” para refletir um aperto nos estoques dos principais exportadores, disse Arlan Suderman, economista-chefe de commodities da corretora StoneX, em nota.

Na quinta-feira os traders também irão focar nas mudanças para as estimativas mensais do USDA na produtividade do milho e da soja dos EUA, entre preocupações sobre seca favorável em certas áreas de plantação.

O contrato mais ativo do trigo fechou estável em 7,27 dólares o bushel, seguindo o ganho de 2,2% da terça-feira.

A soja avançou 3,25 centavos de dólar para 13,40 dólares o bushel, e o milho encerrou em alta de 6 centavos de dólar em 5,5925 dólares.

Última atualização por André Luiz - 11/08/2021 - 17:01

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado agro?
Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto