Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Trump apoia incentivos à volta ao trabalho como parte de próximo projeto de lei para estímulos

01/07/2020 - 16:02
Donald Trump
As observações indicam que o governo Trump fará oposição a um esforço dos democratas no Congresso para renovar um complemento de 600 dólares ao auxílio-desemprego semanal (Imagem: REUTERS/Tom Brenner
)

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse nesta quarta-feira que apoia outro projeto de estímulo ao coronavírus, mas quer que ele inclua incentivos para que os norte-americanos retornem ao trabalho, estabelecendo um conflito com os democratas no Congresso em relação a benefícios para desempregados.

“Queremos criar um incentivo muito grande para o trabalho. Então estamos trabalhando nisso e tenho certeza de que todos vamos chegar a um acordo”, disse Trump em entrevista à Fox Business Network.

As observações indicam que o governo Trump fará oposição a um esforço dos democratas no Congresso para renovar um complemento de 600 dólares ao auxílio-desemprego semanal que deve expirar no final de julho, contido na legislação anterior de alívio ao coronavírus.

Muitos republicanos argumentaram que o benefício suplementar incentiva os trabalhadores a permanecerem desempregados, e eles preferem oferecer um benefício aos trabalhadores que retornam ao trabalho.

Trump disse que a estrutura da última rodada de ajuda financeira aos norte-americanos que passam por dificuldades criou um desincentivo para as pessoas voltarem ao trabalho.

“Foi um incentivo para não ir trabalhar. Você ganharia mais dinheiro se não fosse trabalhar –não é disso que se trata o país”, disse Trump na entrevista. “E as pessoas não queriam isso. Eles queriam ir trabalhar, mas não fazia sentido porque ganhariam mais dinheiro se não trabalhassem.”

Autoridades do governo disseram que calibrarão a resposta em termos de estímulos adicionais com base em dados econômicos que serão divulgados nas próximas semanas. As negociações sobre outro pacote de assistência não devem ser retomadas até que o Congresso retorne de uma pausa do feriado do Dia da Independência, em 4 de julho.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Leia mais sobre: Donald Trump, Economia, Emprego, EUA, Reuters

Última atualização por Renan Dantas - 01/07/2020 - 16:02