Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

UBS: Brasil está em um ponto de inflexão na inadimplência

Gustavo Kahil
06/12/2016 - 14:41

O Brasil atingiu um ponto de inflexão na inadimplência durante o último trimestre de 2016, avalia o UBS em um relatório que ressalta as conclusões anotadas após uma conferência com as principais empresas do setor financeiro na América Latina.

Receba o Giro Money Times grátis em seu email

“A principal mensagem dos bancos em nossa conferência foi que o nível de inadimplência irá chegar ao pico no último trimestre de 2016 enquanto as provisões para perdas serão menores no ano que vem”, ressalta o UBS.

Segundo a análise, tanto o Itaú quanto o Bradesco sugeriram que os pagamentos dos empréstimos irão reduzir a inadimplência, apesar de o movimento ser gradual. “Os bancos participantes confirmaram que as provisões chegaram ao pico no início de 2016, podem ficar em torno de 10% abaixo em 2017 com as maiores reduções provavelmente em 2018”, afirmam os analistas.

Juros

O UBS ressalta que, apesar das incertezas externas como as maiores taxas de juros, os bancos esperam que a Selic caia para entre 10% e 10,25% até o final do ano que vem (devido às projeções muito menores para a inflação), o que deve dar apoio para a qualidade dos ativos e renegociação de empréstimos.

“As expectativas por crescimento dos empréstimos devem ficar na parte de baixo de um dígito em 2017, enquanto a pressão da margem com juros deve acontecer mais em 2018 do que 2017 devido ao atraso na precificação e o cenário de competição benigno”, conclui o relatório.

Veja as recomendações de ações para dezembro

Última atualização por - 05/11/2017 - 14:08

Chegou a nova newsletter Comprar ou Vender
As melhores dicas de investimentos, todos os dias, em seu e-mail. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto