Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Vale: Vendas do 3º trimestre decepcionam; dividendos extraordinários podem estar mais distantes

Renan Dantas
20/10/2021 - 17:10
VALE3 Mineração
Frustração: volume produzido ficou abaixo do esperado pela Ativa Investimentos, que projetava 80 milhões de toneladas

A prévia operacional da Vale (VALE3), divulgada na noite da última terça-feira (19), teve uma reação mista de analistas. O principal destaque ficou por conta do descasamento entre vendas e produção. 

Ao todo, a companhia produziu 89,4 milhões de toneladas de minério de ferro, elevação de 0,8% ante o mesmo período do ano anterior. 

No trimestre, houve uma alta na produção de 18,1% devido a seu plano de recuperação da extração e à melhora sazonal das condições climáticas.

As vendas somaram 75,9 milhões de toneladas entre julho e setembro, alta de 3,2% ante o terceiro trimestre de 2020 e avanço de 0,9% na comparação com o segundo trimestre.

O número ficou abaixo do projetado pela Ativa Investimentos, que esperava 80 milhões de toneladas. 

“As menores vendas dialogam com o momento internacional do minério de ferro, que apresentou desvalorização de U$D 37 no período e fez a Vale revisar a sua estratégia de atuação, tanto quanto ao aspecto produtivo quanto às vendas de produtos de minério de ferro de alta sílica”, aponta o analista Ilan Arbetman.

O Inter Research afirma que a Vale divulgou números levemente abaixo do esperado, tanto em produção quanto em vendas.

“As greves nas operações canadenses de metais básicos impactaram fortemente o desempenho operacional do segmento”, completa

Pontos positivos

Para o Safra, o resultado superou a estimativa por uma pequena margem, apesar de números maiores que o previsto de pelotas e metais básicos. 

Já segundo o BTG, a mineradora está agindo rapidamente em resposta ao desafio e condições de mercado voláteis.

A Vale reduziu sua oferta de produtos de alta sílica e baixa margem em cerca de 4 milhões de toneladas, como resultado de uma estratégia de maximização de margens.

“Acreditamos que este é um movimento sensato por parte da administração, que está agindo rapidamente para ajudar a equilibrar o cenário, especialmente à luz de um choque de demanda sem precedentes em curso na China”, aponta.

Em relação à exportação de minério, os números ficaram 1% abaixo da expectativa do banco.

Segundo a XP, os embarques de minério de ferro foram o principal destaque não esperado neste trimestre, uma vez que os problemas que afetam os metais básicos já eram conhecidos.

“Por outro lado, vemos o compromisso com o guidance de produção para 2021 de minério de ferro como positivo, e esperamos que o estoque acumulado seja revertido no próximo trimestre”, apontam. 

Dividendos extraordinários podem secar

Na visão do Credit Suisse, a probabilidade da Vale de entregar dividendos extraordinários no segundo trimestre é relativamente baixa, visto que será difícil a empresa segurar a sua meta de dívidas líquidas abaixo de US$ 15 bilhões. 

“Em 2022, esperamos que os dividendos extraordinários sejam mais uma vez trazidos de volta à mesa e potencialmente um novo programa de recompra”, completa.

Para o ano que vem, a Ágora Investimentos projeta vendas em aproximadamente 335 milhões de toneladas.

“No entanto, como a Vale pode potencialmente reduzir a disponibilidade de produtos com alto teor de sílica em 12-15 milhões de toneladas, as vendas podem chegar a 320-325 milhões de toneladas no próximo ano”, observa.

Vale
Entre os riscos, o BofA destaca um quarto trimestre mais turbulento, risco de queda do PIB chinês e políticas  de aço desfavoráveis (Imagem: REUTERS/Pilar Olivares)

Vale comprar?

Na avaliação do Bank of America, as ações não estão caras. Porém, um papel “visualmente” barato, com rebaixamentos nos lucros, pode ser uma armadilha de valor.

Entre os riscos, o BofA destaca um quarto trimestre mais turbulento, risco de queda do PIB chinês e políticas  de aço desfavoráveis.

Já o BTG tem uma visão diferente. Para os analistas Leonardo Correa e Caio Greiner, a gestão continua altamente disciplinada na alocação de capital, o que ainda implica que a maior parte da agenda deve envolver o retorno de caixa, com rendimento de dividendos de 13% para 2022.

“Também acreditamos que a empresa irá continuar entregando um progresso tangível no ESG, removendo o excesso de desconto atualmente atribuído ao preço de suas ações”, apontam.

Última atualização por Márcio Juliboni - 20/10/2021 - 17:10

Chegou a nova newsletter Comprar ou Vender

As melhores dicas de investimentos, todos os dias, em seu e-mail!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto
Pela Web