Carteira Recomendada

Veja os fundos imobiliários selecionados pela Mirae para julho

02 jul 2020, 16:46 - atualizado em 02 jul 2020, 16:50
Fundos Imobiliários
Para a Mirae, o setor imobiliário começou a mostrar recuperação no segundo semestre, com a retomada de lançamentos residenciais em todo o país (Imagem: Wikimedia Commons)

A Mirae trocou dois ativos em sua carteira recomenda de fundos imobiliários para julho, mostra relatório enviado a clientes.

A corretora optou por incluir os fundos CSHG Recebíveis Imobiliários (HGCR11) e BTG Pactual Fundo de CRI (FEXC11) e retirar os ativos Kinea Renda Imobiliária (KNRI11) e XP Malls FII Imoliários (XPML11)

Em junho, a carteira apresentou a valorização 4,80%, contra alta de 5,60% do IFIX, índice que reúne fundos imobiliários negociados na B3.

Para a Mirae, o setor imobiliário começou a mostrar recuperação no segundo semestre, com a retomada de lançamentos residenciais em todo o país.

“A demanda por lajes corporativas e galpões chamou a atenção, já que não existiam obras em ritmo para atender a demanda que se mostrava em ascensão”, destacou.

Apesar dos efeitos econômicos do coronavírus, a Mirae continua otimista com o setor, “já que acreditamos que a volta da economia poderá ocorrer com maior magnitude ao longo do segundo semestre e em 2021”, afirmou.

Veja o portfólio:

Fundo Código Peso (%)
BTG Pactual Fundo de Fundos BCFF11 20
CHSG Logística FII HGLG11 20
Bresco Logística FII BRCO11 20
CSHG Recebíveis Imobiliários HGCR11 20
BTG Pactual Fundo de CRI FEXC11 20

 

Editor-assistente
Formado pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, cobre mercados desde 2018. Ficou entre os 50 jornalistas +Admirados da Imprensa de Economia e Finanças das edições de 2022 e 2023. É editor-assistente do Money Times. Antes, atuou na assessoria de imprensa do Ministério Público do Trabalho e como repórter do portal Suno Notícias, da Suno Research.
Linkedin
Formado pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, cobre mercados desde 2018. Ficou entre os 50 jornalistas +Admirados da Imprensa de Economia e Finanças das edições de 2022 e 2023. É editor-assistente do Money Times. Antes, atuou na assessoria de imprensa do Ministério Público do Trabalho e como repórter do portal Suno Notícias, da Suno Research.
Linkedin
Giro da Semana

Receba as principais notícias e recomendações de investimento diretamente no seu e-mail. Tudo 100% gratuito. Inscreva-se no botão abaixo:

*Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.