Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Veja uma carteira com 5 ações para lucrar com a inflação e se “aliar” ao Banco Central

18/03/2021 - 20:58
Dinheiro
Além de afetar diretamente o poder de compra do dinheiro, a inflação e a Selic mais alta afeta diretamente alguns setores da economia (Imagem: Unsplash/@chronisyan)

O aumento dos preços dos alimentos, aliado ao desempenho fraco do real em relação ao dólar, leou o Banco Central a subir a taxa Selic pela primeira vez em seis anos nesta semana.

O juro pasou de 2% a 2,75% e deve ir a 3,5% na próxima reunião do Copom, indicou o BC em seu comunicado.

“A continuidade da recente elevação no preço de commodities internacionais em moeda local tem afetado a inflação corrente e causou elevação adicional das projeções para os próximos meses, especialmente através de seus efeitos sobre os preços dos combustíveis”, mostra a nota.

Além de afetar diretamente o poder de compra do dinheiro, a inflação e a Selic mais alta afeta diretamente alguns setores da economia. A equipe de analistas do Santander examinou as empresas mais protegidas.

O foco da análise se deu no IGP-M, cuja alta para 2021 é estimada em 11%.

“Os principais destaques do setor são Shoppings, Tecnologia, Rodovias e Energia Elétrica & Saneamento Básico/Transmissoras (todos com reajustes de IGP-M em suas receitas)”, avliam Daniel Gewehr e Ricardo Peretti.

As ações selecionadas são: Totvs (TOTS3), brMalls (BRML3), Multiplan (MULT3), Ecorodovias (ECOR3) e Alupar (ALUP11).

Chegou a nova newsletter Comprar ou Vender

As melhores dicas de investimentos, todos os dias, em seu e-mail!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Gustavo Kahil - 18/03/2021 - 20:58

Pela Web