Vendas do Dias das Mães devem atenuar pressão de maior oferta do boi, ao menos por uns dois dias

Giovanni Lorenzon
08/05/2022 - 11:52
Boi Nelore Pecuária de Corte
Dia das Mães ajudou a tirar um pouco mais de carne bovina dos açougues (Imagem: Embrapa)

Alguns sinais bem visíveis desde a sexta-feira nos açougues dos supermercados e relatos de funcionários falando de melhora do movimento das vendas de carne bovina no Dia das Mães, que coincidiu com a semana do pagamento dos salários, alimentam a expectativa de que haverá algum ganho no preço do boi ao menos segunda e terça.

Os frigoríficos talvez comprem um pouco mais, mesmo que as escalas de abate estejam bem folgadas, para reporem os estoques do atacado e, na sequência, do varejo.

O preço médio do boi, em São Paulo, circula há dias em R$ 315, na média, dos frigoríficos menores, enquanto os grandes achatam nos R$ 310. O animal China ganha em torno de R$ 10 a mais.

Há um cruzamento de animais de safra e a acentuação da estiagem, secando os pastos, que forçam o produtor a desovar.

Com isso, a programação de abate consegue chegar à média de 10 dias nas principais praças, segundo a Agrifatto.

Mas as comemorações em uma das datas mais festivas e consumista do Brasil pode anular momentaneamente esses fatores de pressão.

 

Receba as newsletters do Money Times!

Cadastre-se nas nossas newsletters e esteja sempre bem informado com as notícias que enriquecem seu dia! O Money Times traz 8 curadorias que abrangem os principais temas do mercado. Faça agora seu cadastro e receba as informações diretamente no seu e-mail. É de graça!

 

Última atualização por Giovanni Lorenzon - 08/05/2022 - 11:58

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado agro?
Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto