Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Vulcabras Azaleia desce do salto alto para correr mais longe

07/03/2018 - 9:56
A receita líquida dos calçados esportivos saltou 11,3% na comparação com o ano anterior

A Vulcabras Azaleia (VULC3) apresentou um expressivo crescimento de 233,8% no lucro líquido no quarto trimestre de 2017, para R$ 45,4 milhões, na comparação com o resultado alcançado no mesmo período do ano anterior. O expressivo avanço fez com que a margem líquida saltasse de 4,4% para 14,4%.

Gostou desta notícia? Receba nosso conteúdo gratuito

A geração de caixa medida pelo Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) ficou em R$ 70,40 milhões, com expansão de 25%. A margem Ebitda, uma medida de eficiência operacional, cresceu 4,1 pontos percentuais, atingindo 22,4% no período, ante 18,3% entre outubro e dezembro de 2016.

A receita líquida subiu 2,4%, para R$ 314,6 milhões. O BTG Pactual destaca que o número ficou 1,2% abaixo do estimado pelos analistas Fabio Monteiro e Luiz Guanais, mas foi impulsionado principalmente pelo segmento esportivo, “apesar de ter sido sustentado por melhores preços, enquanto os volumes continuaram estáveis nesta categoria”, mostra um relatório publicado nesta quarta-feira (7). O banco recomenda a compra das ações, com preço-alvo de R$ 14.

Descendo do salto alto

A receita líquida dos calçados esportivos saltou 11,3% na comparação com o ano anterior, enquanto que para calçados femininos recuou 25,4%. O ano de 2017 também marcou a retomada da liderança nas vendas de calçados esportivos no Brasil protagonizada pela Olympikus, à frente de marcas globais, segundo levantamento do KantarWorldpane, ressalta e empresa.

“Na frente operacional, a empresa manteve sua estratégia para aumentar o foco em calçados esportivos, em vez de calçados femininos (ainda em vigor), enquanto continua investindo na modernização e eficiência da fábrica, que acreditamos ser a abordagem estratégica certa”, pontuam os analistas do Credit Suisse Tobias Stingelin, Pedro Pinto e Leandro Bastos. Eles indicam a compra dos papéis, com preço-alvo de R$ 13.

“A receita de calçados esportivos manteve o ritmo de crescimento, com todos os pedidos atendidos e, importante presença nas vendas de Natal. Houve queda nas vendas do setor feminino, em relação ao mesmo período do ano anterior, ocasionada pela manutenção da estratégia de transferência da capacidade produtiva de calçados femininos para calçados esportivos”, pontua a Vulcabras Azaléia.

Chegou a nova newsletter Comprar ou Vender

As melhores dicas de investimentos, todos os dias, em seu e-mail!

Última atualização por Gustavo Kahil - 07/03/2018 - 9:56