Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

XP estreia carteira de small caps com 5 ações para maio

03/05/2021 - 18:19
Anima Educação
De acordo com a XP, a Ânima está bem posicionada no setor de educação (Imagem: Facebook/Anima Educação)

A XP estreou a sua carteira de small caps com cinco ativos, mostra relatório enviado a clientes.

Small caps são companhias que possuem capitalização de mercado inferior a R$ 10 bilhões com grande capacidade de apresentar desempenho acima do Ibovespa.

Veja as recomendações:

Empresa Código
Ânima ANIM3
Aura Minerals AURA33
Jalles JALL3
Lavvi LAVV3
Grupo Soma SOMA3

 

Ânima é a melhor da educação

De acordo com a XP, a Ânima (ANIM3) está bem posicionada no setor de educação já que seu foco em qualidade deve continuar sustentando o crescimento da base de alunos e receita com ticket médios altos.

Espera-se que a legalização das apostas esportivas seja muito significativa aos impostos

“Também prevemos um contínuo crescimento de margem na medida em que a companhia evolui na implementação do seu modelo acadêmico híbrido. Além disso, a recém aprovada aquisição do Grupo Laureate no Brasil deve trazer importantes ganhos de sinergia à Ânima”, completa.

Aura Minerals tem perceptivas sólidas de crescimento

Para a XP, a Aura Minerals (AURA33) deverá divulgar resultados muito bons após mais um forte relatório de produção (67 mil onças de ouro equivalente).

“O principal destaque é o maior preço de cobre compensando parcialmente a queda no preço do ouro. Acreditamos que a empresa esteja bem posicionada para aproveitar os benefícios de seu plano de expansão e destravar valor quando declarar novos recursos e reservas”, aponta.

Lavvi
A corretora avalia que Lavvi está bem posicionada para se beneficiar do ciclo positivo para o segmento de alta-renda nos próximos anos (Imagem: Money Times/Gustavo Kahil)

Toque de agro: Jalles Machado

Na visão da XP, a Jalles (JALL3) é um dos melhores players do setor de açúcar e etanol e maior exportador de açúcar orgânico do mundo.

“Soma-se a isso o bom momento das commodities agrícolas, com preços altos tanto para açúcar quanto etanol frente ao aumento na demanda, além dos desafios para aumentar a produção diante de um cenário climático mais complicado para esta safra”, afirma.

Ainda de acordo com os analistas, em função do IPO recente, o valor da empresa se encontra descontado ante a São Martinho (SMTO3).

Lavvi está bem posicionada

A corretora avalia que Lavvi (LAVV3) está pronta para se beneficiar do ciclo positivo para o segmento de alta-renda nos próximos anos (juros imobiliários nas mínimas históricas, demanda aquecida por imóveis e forte apetite dos bancos para concessão de crédito imobiliário).

“Adicionalmente, vemos a ação negociando a um valuation atrativo de 1.5x P/VP (vs. retorno sobre PL estabilizado de aprox. 20%)”, afirma.

Grupo Soma para somar

A XP afirma que a Grupo Soma (SOMA3) está bem posicionada para consolidar o mercado de vestuário de luxo e tem espaço para crescer organicamente e potencial de geração de valor através de iniciativas operacionais.

“Além disso, esperamos uma dinâmica de resultados de curto prazo sólida mesmo durante um cenário de mobilidade mais restritivo”, completa.

Chegou a nova newsletter Comprar ou Vender

As melhores dicas de investimentos, todos os dias, em seu e-mail!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Renan Dantas - 03/05/2021 - 18:19

Pela Web