Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

XP Investimentos se aproxima da Nasdaq para IPO em 2020, diz Estadão

18/06/2019 - 15:48
A intenção da corretora de fazer um IPO teve seus primeiros passos em 2017, quando chegou a fazer registro de abertura da capital na B3 (Imagem: Facebook XP Investimentos)

Por Investing.com

Os planos da XP Investimentos de realizar a abertura de capital se mostra mais próxima da Nasdaq. A edição desta terça-feira da Coluna do Broad, dos Estados Unidos, usa o lançamento da Leadr, a nova rede social de investimentos do grupo, como exemplo dessa proximidade, uma vez que a plataforma foi parabenizada pela bolsa americana em seu telão na Times Square (NYSE:SQ), em Nova York.

A intenção da corretora de fazer um IPO teve seus primeiros passos em 2017, quando chegou a fazer registro de abertura da capital na B3. No entanto, no meio do processo de venda de parte da empresa para Itaú Unibanco (ITUB4), os planos não tiveram sequência.

Small Caps: Tudo o que você precisa saber

A publicação destaca que a decisão de optar agora pela Nasdaq seria com o objetivo de aproveitar os múltiplos robustos observados nas aberturas de capital de empresas do setor de tecnologia em Nova York. Apesar de ainda não ter definido se vai ou não fazer a operação, a operação deve acontecer somente no próximo ano.

No início do ano, o presidente da B3, Gilson Finkelsztain, em entrevista à Bloomberg, mostrou disposição para lutar que a XP realize seu IPO na bolsa brasileira. A oferta pública de ações seria uma solução para os investidores de private equity. Entre eles, a General Atlantic e a Dynamo Administração de Recursos.

Um dos motivos que leva a XP a considerar a abertura na Nasdaq é o sucesso encontrado por outras empresas brasileiras que seguiram o mesmo caminho. Somente em 2018 foram a PagSeguro (NYSE:PAGS) Digital, a StoneCo, e a Arco Platform levantaram mais de US$ 5,34 bilhões na Bolsa de Nova York.

Além disso, no Brasil existem benefícios fiscais para empresas brasileiras domiciliadas no exterior. “Isso é algo que precisa de atenção”, disse Finkelsztain, que salientou como existem regras que impedem que essas firmas sejam negociadas na bolsa local.

Em fevereiro, o jornalista Lauro Jardim informou que o IPO da XP deve sair somente em 2020, com um valor que já foi avaliado em R$ 50 bilhões.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Vitória Fernandes - 18/06/2019 - 15:48

Cotações Crypto
Pela Web