Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

XP vê ganhos de até R$ 6,3 por ação da Petrobras com retomada de desinvestimentos

18/01/2019 - 12:26

Por Investing.com – Para a XP Investimentos, a Petrobras (PETR4), com a retomada da venda de ativos e a busca por várias parecerias para refino deve conseguir até US$ 21,9 bilhões em receitas, colocando de R$ 5,00 a R$ 6,30 em seu preço-alvo. As informações constam de relatório divulgado pela corretora nesta sexta-feira.

Na parte final da manhã desta sexta-feira, as ações operam em alta de 0,95% a R$ 25,41.

+ Veja aqui quais são as pequenas gigantes da Bolsa que podem te ajudar a transformar centavos em milhões

O documento destaca que a dívida líquida da estatal também pode cair de 0,66 ponto percentual a 0,83 ponto percentual como proporção do EBITDA da Petrobras estar atualmente em 2,96 vezes. Para a equipe da corretora, sem os obstáculos que impediam alienação dos ativos, a Petrobras pode seguir com o plano de desinvestimentos de até US$ 26,9 bilhões.

Ontem, a Petrobras anunciou que retomará o processo competitivo para a venda de fatia de 90 por cento na Transportadora Associada de Gás (TAG) e de 100 por cento da Araucária Nitrogenados (ANSA), bem como a busca para a formação de parcerias em refino.

11 ações que irão mandar bem nos resultados do 4º trimestre, segundo o BTG

Os processos de desinvestimentos nesses ativos estavam suspensos desde o ano passado, após decisão cautelar do ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), pela qual a venda de ações de empresas públicas dependeria de aval legislativo.

A decisão pelo reinício dos desinvestimentos foi tomada pela Petrobras após a Advocacia Geral da União (AGU) avaliar que a empresa atende a requisitos analisados pelo próprio STF para alienar subsidiárias, informou a gigante petroleira em fato relevante nesta quinta-feira.

No caso da TAG, subsidiária da Petrobras proprietária e gestora de importante parcela dos ativos de transporte de gás do país, a decisão veio também após o Superior Tribunal de Justiça (STJ) derrubar uma liminar movida por um sindicato contra a sua venda.

Com Reuters.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Leia mais sobre: , ,

Última atualização por Bruno Andrade - 18/01/2019 - 12:26

Cotações Crypto
Pela Web