Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Ações da Localiza e da Unidas viram “foguetinhos” e disparam com intenção de fusão

23/09/2020 - 17:34
Localiza
Os acionistas da Unidas receberão 0,44682380 ação ordinária de emissão da Localiza em substituição a cada papel ordinário de emissão da Unidas (Imagem: Facebook/Localiza)

As papéis da Localiza (RENT3) e da Unidas (LCAM3) operaram o dia como verdadeiros “foguetinhos”, após anunciar intenção de fusão, ao mesmo tempo que o Ibovespa (IBOV) viveu uma quarta-feira apática.

As ações da Localiza fecharam em alta de 13,97%, negociadas a R$ 58,97. As ações da Unidas subiram ainda mais a 17,72%, cotadas a R$ 24,85. O principal índice da Bolsa caiu 1,60% a 95.784,82 pontos.

O motivo para a decolagem das ações se deve a celebração de um acordo de intenção, divulgado na manhã de hoje, em que Localiza deve incorporar as ações da Unidas, além da combinação de negócios de ambas empresas que atuam no setor de aluguel de carros.

Segundo os termos estabelecidos, os acionistas da Unidas receberão 0,44682380 ação ordinária de emissão da Localiza em substituição a cada papel ordinário de emissão da Unidas, detidos até a data do acordo.

Com base na relação de troca, os acionistas da Localiza detêm, em conjunto, 76,85000004% do capital social total da companhia combinada, e os então investidores da Unidas ficam, em conjunto, com 23,14999996% do resultado da incorporação.

A combinação de negócios está sujeita às aprovações nas assembleias gerais das respectivas empresas, assim como, a incorporação de ações precisa do aval do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE).

Os acionistas fundadores da Localiza e da Unidas concordaram que o primeiro mandato de gestão da companhia combinada seja composto por seis executivos indicados pela Localiza e por dois selecionados pela Unidas.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Vitória Fernandes - 23/09/2020 - 17:36