Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
EOS

Airdrop da EIDOS sobrecarrega blockchain da EOS

13/11/2019 - 14:00
Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento
EIDOS é criação da Emunivo, antigamente uma promessa de “sidechain” para o blockchain da EOS (Imagem: EOS Go)

No dia 1º de novembro, a Coinbase percebeu uma queda no desempenho do blockchain da EOS um dia após o contrato de airdrops da EIDOS ter sido lançado na plataforma. Esse contrato permite aos detentores de eos, com recursos de rede disponíveis, ganharem tokens de EIDOS gratuitos para cada transação enviada ao contrato.

Consequentemente, a atividade de rede disparou enquanto os usuários corriam para adquirir os novos tokens e jogá-los em plataformas como a MXC Exchange, que listou a negociação do par EIDOS/dólar.

O aumento na atividade causou o “modo de congestionamento” da EOS, que limita o número de transações que um usuário pode enviar “para seu compartilhamento proporcional” do total de recursos negociados da EOS.

A Coinbase relatou que 95% de todas as ações da EOS, desde o dia 31 de outubro, eram relacionadas aos contratos de EIDOS. Dinheiro quase de graça é algo bem popular. Mas esse projeto obscuro que não fornece valor a não ser o de “negociação por moedinhas” conseguiu prejudicar a rede.

O site da EIDOS publicou que o airdrop ainda vai continuar em 2020, o que significa que os usuários podem esperar que a EOS continue nesse estado até não ser mais rentável coletar EIDOS. As estatísticas também indicam que a demanda por outras aplicações e atividades baseadas em eos continuarão bem reduzidas.

Essa é a segunda vez que a EOS passou por um congestionamento desde o lançamento da EOS REX, a plataforma de recursos baseada em eos, em maio de 2019. Na primeira vez, um hacker conseguiu violar a rede e roubar 30 mil eos da aplicação descentralizada de apostas, EOSPlay.

A grande quantidade de atividade foi por conta do frenesi dos usuários que queriam adquirir seus tokens (Imagem: Crypto Coin Growth)

EOS REX permite que os usuários aluguem recursos computacionais a uma taxa mais atrativa do que terem que reunir os materiais necessários para apostar na EOS diretamente.

Apesar do que muitos podem considerar como “circunstâncias preocupantes”, a rede da EOS está funcionando como deveria. O modo de congestão é inerente e impede que os usuários processem mais informações do que sua CPU permite em épocas de muita atividade na rede.

Os usuários podem comprar mais eos ou transferir seus criptoativos para outras plataformas e negociá-los na rede. No entanto, as estatísticas das taxas de aluguel de CPU e das taxas de negociação de tokens da EOS sugerem que mais usuários adquiriram eos para fazer especulação de preço.

Novo! Receba Grátis a Newsletter
Crypto Times
Uma newsletter que minera informação para você!

Última atualização por Daniela Pereira do Nascimento - 02/01/2020 - 15:57