Análise de preço do ether (ETH) — parte 3: aspectos técnicos

Brave New Coin
15/07/2020 - 11:42
Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento
Aspectos técnicos estão positivos para o par ETH/USD com base nas métricas atuais de tendência conforme o preço à vista está acima da média móvel exponencial (MME) de 200 dias e acima da Nuvem diária. Nos próximos meses, é possível que haja um preço-alvo entre US$ 285 e US$ 300 com base no VPVR, pivôs anuais e um pitchfork positivo recém-estabelecido (Imagem: Facebook/ConsenSys)

Parte 1 / Parte 2

Análise técnica

O preço atual do ETH caiu 83% em comparação à sua maior alta em janeiro de 2018 e abaixo dos 20% da alta de fevereiro. Porém, a criptomoeda se mantém acima de 157% das baixas em março. Grande parte dos criptoativos tiveram uma correlação de mais de 90% entre si desde o início do ano.

Conforme a tendência positiva retorna, roteiros de desenvolvimento (“roadmaps”) podem ser encontrados em cronogramas usando Médias Móveis Exponenciais (MMEs), perfil de volume do intervalo visível (VPVR), pitchforks, Nuvem de Ichimoku e divergências.

Clique aqui para acessar mais informações sobre as análises técnicas descritas abaixo.

No gráfico diário para o mercado ETH/USD, a Cruz de Ouro das MMEs de 50 dias e de 200 dias aconteceu no dia 11 de fevereiro, seguida rapidamente por uma negativa Cruz da Morte no dia 19 de março.

No dia 6 de maio, essas MMEs principais se cruzaram de forma positiva, sugerindo que a MME de 200 dias a US$ 206 atuarão como suporte.

Com base na VPVR (barras horizontas no gráfico abaixo), o preço atual à vista agora está entre os nós de resistência US$ 215 e US$ 230.

Pivôs anuais ou suporte matemático e resistência, baseados nas altas e nas baixas do ano anterior, também estão entre US$ 200 e US$ 295. Não existem divergências para um mercado de alta ou baixa no volume ou RSI neste momento.

Atualmente, o interesse de compra/venda na Bitfinex (painel superior do gráfico abaixo) está em 92%, conforme posições de compra continuam a impulsionar novas altas nas últimas semanas. Interesse nocional em posições compradas também está em uma alta recorde de US$ 435 milhões.

Uma movimentação negativa e significativa de preço resultará em uma movimentação exagerada conforme posições compradas continuam diminuindo. Isso é conhecido como “long squeeze”.

Porém, historicamente, as proporções de compra/venda na Bitfinex tiveram pouca influência na ação de preço da Ethereum.

Esse mercado provavelmente estabeleceu um novo “pitchfork” (“garfos de Andrew”). Quando essa tendência for definida, o preço à vista continuará tentando retornar à linha mediana (linha amarela), atualmente a US$ 288.

Um pitchfork de alta é invalidado quando o preço do ether cai abaixo do suporte inferior, atualmente em US$ 117. A resistência superior está em US$ 712.

Em relação à Nuvem de Ichimoku, existem quatro métricas essenciais: o preço atual em relação à nuvem, a cor da nuvem (vermelho para baixa, verde para alta), as cruzes Tenkan (T) e Kijun (K) e o período de atraso (“lagging span”).

A melhor entrada acontece quando a maioria dos sinais disparam de baixa para alta, ou vice-versa.

O status das métricas atuais da Nuvem sobre o quadro temporal diário com configurações duplicadas (20/60/120/30) para sinais mais precisos, indicam uma alta. O preço à vista está acima da Nuvem, então a Nuvem indica uma alta, assim como as cruzes T/K.

O período de atraso está acima da Nuvem e acima do preço à vista.

Apesar de as métricas da Nuvem favorecem uma posição comprada, uma cruz negativa T/K possa acontecer na próxima semana, atuando como um sinal de saída de compra. O próximo sinal de entrada de compra provavelmente acontecerá com um recruzamento de T/K acima da Nuvem.

Por fim, no gráfico diário de dois dias para ETH/BTC, indicadores de tendência estão neutras e positivas com o preço acima das MMEs de 50 dias e 200 dias, bem como acima da Nuvem.

O preço à vista agora está entrando novamente em um nível de apoio e resistência de pivôs anuais a longo prazo de 0,025 BTC. É provável que haja mais resistência no VPVR e no nível psicológico de 0,03, bem como o pivô anual de 0,0345 BTC.

Não existem divergências para um mercado de alta ou baixa no volume ou RSI neste momento. As posições abertas em ETH/BTC na Bitfinex estão 99% para compra.

Aspectos fundamentais do blockchain, incluindo taxa de hashes, transações por dia e endereços diários ativos, aumentaram desde janeiro em comparação às baixas do fim de 2019.

É improvável que haja a aplicação do algoritmo de consenso ProgPow este ano, uma mudança que iria alterar drasticamente o contexto atual de mineração Ethash.

Apesar de ETH 2.0 ainda estar em sua fase inicial de desenvolvimento, o novo protocolo está sendo discutido, debatido e programado ativamente, em que sua fase zero pode ser lançada em algum momento ainda este ano.

A quantidade de ETH bloqueado em dapps aumentou significativamente no último ano conforme ETH retido por tesourarias de ofertas iniciais de meoda (ICO) continua a cair, provavelmente fornecendo um novo meio de diminuir o fornecimento em circulação de ETH.

Novas ICOs no blockchain Ethereum estiveram próximas a zero ao longo de 2020 e no início de 2020.

Conforme o uso do setor de finanças descentralizadas (DeFi) aumenta, métricas no blockchain precisam ser reconfiguradas para uma melhor representação e incluir atividade de contratos autônomos, assim como transferências em Dai e Sai.

NVT, uma métrica inversa de utilidade econômica, está diminuindo um pouco, apesar da grande atividade no setor DeFi.

Aspectos técnicos estão positivos para o par ETH/USD com base nas métricas atuais de tendência conforme o preço à vista está acima da média móvel exponencial (MME) de 200 dias e acima da Nuvem diária.

Nos próximos meses, é possível que haja um preço-alvo entre US$ 285 e US$ 300 com base no VPVR, pivôs anuais e um “pitchfork” positivo recém-estabelecido.

Aspectos técnicos para o par ETH/BTC estão neutros e positivos com base em métricas de tendência, conforme o preço à vista está acima da MME de 400 dias e acima da Nuvem de dois dias.

A curto prazo, o preço à vista precisará ultrapassar a resistência e se consolidar próximo ao nível de 0,025 BTC. Ao todo, isso pode resultar no primeiro sinal de prosseguimento ao par desde a febre das ICOs em 2018.

Última atualização por Daniela Pereira do Nascimento - 15/07/2020 - 11:42

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado cripto?
Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto