Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Fast

Arbitragem de bitcoin: como obter (ou não) lucros

05/01/2020 - 9:00
Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento
criptomoedas
Arbitragem financeira — a prática de comprar um ativo e imediatamente vendê-lo a um preço maior por um lucro de baixíssimo risco — é possível com o bitcoin, mas não é uma estratégia sustentável para o longo prazo (Imagem: Unsplash/@AustinDistel)

Por Akbar Thobhani, CEO da SFOX

No dia 9 de janeiro de 2018, o preço do bitcoin na Coreia do Norte era 43% maior do que nos EUA.

Se você tivesse uma maneira de comprar US$ 100 mil em bitcoin nos EUA e vendê-lo na Bithumb sem taxas, taxas de câmbio ou intervalos de tempo, você poderia ter ganhado US$ 34 mil.

Essa é a tática financeira da arbitragem: a prática de comprar um ativo e vendê-lo imediatamente a um preço maior para um lucro de baixíssimo risco.

Mas é claro que não é tão fácil comprar bitcoin em uma corretora para depois transferi-lo e vendê-lo em uma corretora diferente “sem taxas ou intervalos de tempo”.

Quando você leva em consideração todo o tempo e as taxas envolvidos, quanto você realmente pode lucrar com as oportunidades de arbitragem? E quão frequentes são essas oportunidades?

Aqui está a resposta curta: arbitragem de bitcoin é possível, mas não é uma estratégia sustentável a longo prazo.

Mercado
Arbitragem é lucrar ao comprar por um preço mais barato em um lugar e vender mais caro em outro lugar (Imagem: Unsplash/@austindistel)

O que é arbitragem?

Quando se fala em arbitragem, bitcoin é apenas a encarnação mais recente de uma estratégia financeira que já se desenrola há milhares de anos.

Se a mesma coisa tem um preço diferente em dois lugares distintos, você pode lucrar ao comprá-la no local mais barato e vendê-la no local mais caro. Isso que é arbitragem.

Até no ano 640 AEC, quando a prata era relativamente subapreciada na Pérsia, as pessoas lucravam por meio da arbitragem ao comprar moedas de prata na Pérsia e vendê-las na Grécia.

Essa é exatamente o mesmo tipo de prática que as pessoas têm em mente quando se fala em “oportunidades de arbitragem” no bitcoin.

Por exemplo: no dia 28 de novembro de 2017 foi muito importante porque o bitcoin passou da marca de preço de US$ 10 mil, mas não em todas as corretoras. Enquanto a CEX estava listando bitcoin a US$ 10.026, Kraken estava listando a US$ 9.478.

Se você tivesse uma maneira de (1) pegar uma fiduciária da sua conta bancária para a Kraken, (2) comprar bitcoin com essa fiduciária na Kraken, (3) transferir esse bitcoin para a CEX, (4) vender esse bitcoin na CEX e (5) pegando essa fiduciária da CEX de volta para a sua conta bancária — tudo instantaneamente e sem taxas —, então você poderia ter obtido um rendimento de mais de US$ 2,8% imediatamente com risco baixíssimo.

Criptoativos têm muita atenção bem-merecida por sua volatilidade maluca, que carrega muito risco para enormes ganhos ou enormes perdas.

Nesse mar de riscos, arbitragem é uma tática que parece razoavelmente de baixo risco — mas vamos ver que não é um risco tão baixo quanto alguns dizem ser.

Então que tipo de oportunidades de arbitragem existem em cripto? Antes de mergulharmos na questão prática de como capitalizar com arbitragem quando o assunto for bitcoin, precisamos fazer o reconhecimento do terreno sobre quais são os tipos existentes de uma possível arbitragem de cripto.

No nível máximo, existem dois tipos a serem considerados: arbitragem de cripto para cripto e arbitragem de cripto para fiduciária.

ethereum litecoin
É possível fazer arbitragem de criptomoeda para criptomoeda, mas ter atenção às flutuações de preço é estritamente necessário (Imagem: Pixabay/WorldSpectrum)

Arbitragem de cripto para cripto

Esse tipo de oportunidade de arbitragem existe quando a quantidade de um criptoativo, para o qual você pode comprar ou vender um criptoativo, é maior em uma corretora do que em uma outra.

Por exemplo: digamos que você compre 1 bitcoin para 10 ethers na Corretora nº 1, transfira esse bitcoin para a Corretora nº 2, venda esse bitcoin na Corretora nº 2 por 10,5 ether, guarde 0,5 ether como resultado de arbitragem (ignorando taxas pelo bem da simplicidade).

Essas oportunidades são raras porque é relativamente fácil movimentar criptoativos de uma corretora para outra, ou seja, as diferenças em taxas de cripto para cripto em corretoras são corrigidas de forma relativamente rápida.

Mas em corretoras que não oferecem saques dos fundos em tempo real, essas diferenças não são corrigidas tão facilmente, o que significa que você ainda pode encontrar oportunidades de arbitragem nessas corretoras.

ethereum dólar cartão de crédito sd
Também é possível fazer arbitragem de criptomoeda para fiduciária entre corretoras com preços diferentes (moeda central/estatal/governamental) (Imagem: Pixabay/WorldSpectrum)

Arbitragem de cripto para fiduciária

Esse tipo de oportunidade de arbitragem existe quando a quantidade de criptoativos que você pode comprar ou vender para fiduciárias é maior em uma corretora do que em outra.

Por exemplo: se existe uma diferença de US$ 50 no preço do bitcoin em dólar em duas corretoras, existe uma oportunidade de arbitragem de cripto para fiduciária. Isso pode não ser uma diferença de preço tão gigante que vimos internacionalmente no dia 9 de janeiro, mas ainda é significativa.

Oportunidades como essas são mais comuns do que você acha. O obstáculo principal para explorar esse tipo de arbitragem é a quantidade de tempo e taxas que pode levar para transferir sua fiduciária nessas corretoras.

Se você está negociando em corretoras no seu próprio país, você pode levar de um a três dias para transferir fiduciárias de uma corretora para a outra.

Se você está negociando em corretoras internacionais, pode demorar ainda mais para movimentar as fiduciárias em bancos internacionais, e se você está negociando com uma fiduciária estrangeira, você também vai precisar contabilizar as taxas de câmbio.

Tudo isso pode engolir sua diferença de preço rapidamente.

Por exemplo: digamos que bitcoin custa 0,40% mais em uma corretora coreana do que em uma corretora americana, quando você contabiliza a taxa de câmbio entre won/dólar. Vamos imaginar que você tenha obter lucro dessa oportunidade de arbitragem:

você transfere dólar para a corretora americana, por uma taxa de US$ 100;

você compra bitcoin na corretora americana, por uma taxa de rede de US$ 100 e por taxas de negociação de US$ 50;

você transfere seu bitcoin da corretora americana para a coreana, por uma outra taxa de rede de US$ 100 e uma taxa de saque de US$ 50;

você vende bitcoin por won na corretora coreana, por uma taxa equivalente de rede de US$ 100 e taxas de negociação de US$ 50;

você faz o câmbio de won para dólar e transfere de volta para sua conta bancária, por uma taxa de saque de US$ 50, uma taxa de transferência de US$ 100 e uma taxa de câmbio de US$ 100.

Apenas com as taxas, você perdeu 0,80% do seu investimento, duas vezes a diferença inicial entre o preço do bitcoin nas duas corretoras!

E essa poderia ter sido uma perda ainda maior se o preço do bitcoin caísse após você o comprasse na corretora americana que, certamente, seria algo possível, por conta do fato de o preço do criptoativo move frequentemente em pontos percentuais múltiplos em qualquer minuto.

sfox
Quão comuns são as movimentações grandes e repentinas no preço do bitcoin? De março a maio de 2018, houve mais de dez casos em que o preço do bitcoin oscilou entre 4 a 10% em um único minuto — todas as horas são em PST, o horário padrão do Pacífico (Tabela da corretora SFOX fornecida pela Brave New Coin)

Nesse contexto hipotético, sua “oportunidade” de arbitragem faria você gastar muito tempo e muita energia para dar empate! E isso não é atípico: as taxas e o tempo associados à arbitragem poderiam custar a você pelo menos 40 pontos-base.

Então se você vai atrás de uma oportunidade de arbitragem de cripto para fiduciária, é melhor ter uma grande quantia para compensar esses custos.

Estratégias para explorar a arbitragem de bitcoin

Agora, você provavelmente percebeu que existem muitas taxas e intervalos de tempo entre você e suas oportunidades de arbitragem de bitcoin.

Existe uma moral aqui: é errado chamar arbitragem de “lucro sem risco”. Dada a volatilidade do mercado e o tempo exigido para transferências, a oportunidade de arbitragem pode sumir ou até reverter a direção no momento em que o seu dinheiro estiver em posição de explorá-la.

Dito isso, existem algumas estratégias que podem te ajudar a agarrar as oportunidades de arbitragem quando elas surgirem: é uma questão de (1) estar preparado e (2) saber onde olhar.

preparado corrida corredor pista preparo
É necessário já ter dinheiro (e bitcoin) nas corretoras em que você deseja realizar arbitragem e ficar atento às notícias e às movimentações e diferenças de preço (Imagem: Unsplash/bradencollum)

Esteja preparado

Uma forma de minimizar o impacto dos intervalos de tempo na negociação de arbitragem é simplesmente se colocar em uma posição de rápida reação em quaisquer oportunidades que surgirem.

Se você mantivesse uma combinação de bitcoin e fiduciária em várias corretoras, você teoricamente poderia conseguir oportunidades de arbitragem entre essas corretoras sem ter que esperar por transferências entre sua conta bancária e essas corretoras.

Por exemplo: digamos que faça parte da sua estratégia manter 1 bitcoin e US$ 10 mil na Bitfinex, e mais 1 bitcoin e US$ 10 mil na Bitstamp.

Quando você percebesse uma oportunidade de arbitragem de bitcoin entre as duas corretoras, você poderia imediatamente aproveitá-la ao comprar bitcoin na corretora com o menor preço de bitcoin (usando a fiduciária que você já tem nessa corretora) e vender a mesma quantidade de bitcoin na corretora com o maior preço de bitcoin.

Para fazer isso em grande escala, você teria que manter sua fiduciária e seu bitcoin retido em todas as corretoras que você quer realizar a arbitragem e você teria que estar pronto e disposto para pagar pelas taxas de saque, depósito e de rede.

No entanto, isso poderia permitir que você aproveitasse oportunidades de arbitragem rapidamente sem ter que esperar que o seu dinheiro seja transferido e esperar que a oportunidade não suja durante esse tempo.

Saiba onde olhar

Se você está olhando apenas para os livros de oferta das grandes corretoras, você com certeza vai encontrar algumas oportunidades de arbitragem. Se você quer ver o contexto geral de possibilidades de arbitragem e ter ainda mais chances de lucrar, você pode olhar mais profundamente nos livros de oferta.

Por exemplo: digamos que você quer comprar bitcoin e ver que o preço no topo dos livros de oferta está em US$ 6.600. No entanto, existem apenas baixíssimas quantias (cerca de 0,2 bitcoins) até o preço atingir US$ 6.550.

Nesse caso, poderia existir uma oportunidade de arbitragem entre as corretoras se você tiver paciência: comprar quando o preço imediatamente atingir US$ 6.550 na corretora e depois vender essa quantia de bitcoin no livro de oferta de outra corretora.

(Tabela da corretora SFOX fornecida pela Brave New Coin)

Esse tipo de negociação aprofundada no livro de oferta poderia fazer você lucrar com arbitragem, mas você não teria conseguido a oportunidade se estivesse olhando apenas para os principais livros de oferta.

Entenda os custos

A arbitragem de bitcoin pode parecer mais fácil do que realmente é porque é fácil subestimar as taxas e o tempo necessários para capitalizar sobre as oportunidades de arbitragem. Quando você levar esses custos em consideração, é bem mais difícil lucrar da arbitragem pura — apesar de, como vimos, não ser algo impossível.

Considerando tudo, enquanto a arbitragem de bitcoin é uma ferramenta útil para um negociador entender, podem existir maneiras mais fáceis de lucrar com cripto, como a negociação diária ou simplesmente fazer “HODLing” (quando criptoinvestidores compram e seguram suas posições independente do preço a fim de reter valor do criptoativo a longo prazo).

Novo! Receba Grátis a Newsletter
Crypto Times
Uma newsletter que minera informação para você!

Última atualização por Daniela Pereira do Nascimento - 27/12/2019 - 8:59