Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

As 5 principais notícias do mercado internacional desta terça-feira

21/05/2019 - 7:59
Mercados
Veja as 5 notícias que rondam o mercado (Imagem: Pixabay)

Por Investing.com 

Confira as cinco principais notícias desta terça-feira, 21 de maio, sobre os mercados financeiros:

1 – Cessar-fogo na guerra comercial, mas a Huawei está brincando?

Os EUA reduziu a tensão com a China, mas os chineses não estão impressionados.

Após o Departamento de Comércio sinalizar que daria isenções específicas para as empresas que vendem para a gigante de telecomunicações Huawei por três meses, o fundador da Huawei, Ren Zhengfei, disse que isso não impediria mais conflitos entre os EUA e China em algum ponto no futuro.

Enquanto isso, a Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico advertiu novamente que as disputas comerciais ameaçavam atuar como um freio de longo prazo ao crescimento global.

A Organização argumentou que o investimento das empresas neste ano e no próximo cresceria apenas 1,75%, aproximadamente metade do nível do ano passado.

2 – Wall Street deverá abrir em alta; Resultados do varejo em destaque

No mercado americano as ações foram ajustadas para abrir em alta, após uma recuperação nas ações asiáticas e europeias durante a noite.

Às 6h45, os futuros do S&P 500 subiam 13,4 pontos ou 0,5%, o futuros do Dow 30 subia 107 pontos, ou 0,4%, e o índice de tecnologia futuros do Nasdaq 100 subia 54 pontos, ou 0,7%.

Mercados
No mercado americano as ações foram ajustadas para abrir em alta,(Imagem: Pixabay)

Durante a noite, o índice CSI 300 da China havia se recuperado em 1,4%, enquanto o Euro Stoxx 600 subia 0,5% e o índice da Alemanha, o Dax subia 0,9%.

É um grande dia para o setor de varejo, com atualizações de ganhos das empresas TJX (NYSE:TJX), Nordstrom (NYSE:JWN), Kohls e Home Depot (NYSE:HD).

3 – Petróleo tem pausa pra Respirar

Os preços do petróleo estavam tomando fôlego após a subida de segunda-feira por conta de uma crescente guerra de palavras entre o presidente Trump e o Irã.

Às 6h45, futuros do petróleo WTI subiam 0,3%, para US$ 63,40 por barril, enquanto os futuros da mistura internacional de petróleo Brent ficaram inalterados em US$ 71,97.

“A situação de hoje não é adequada para conversações e nossa escolha é apenas resistência”, disse o presidente Hassan Rouhani, segundo a agência de notícias iraniana IRNA, na noite de segunda-feira.

Às 18h30, o Instituto Americano do Petróleo divulgará sua atualização semanal sobre estoques de petróleo nos EUA. Analistas estimam que os dados semanais do governo mostrarão um consumo de 2,53 milhões de barris de estoques de petróleo bruto na semana passada.

4 – Dólar continua a subir

O dólar subiu mais, aproximando-se da alta de dois anos que atingiu em abril, em meio a temores de que a guerra comercial possa evoluir para uma guerra cambial. O , que mede a força da moeda frente a uma cesta ponderada de seis principais divisas, atingiu 97,968 durante a noite, antes de retornar para 97,917.

Dolar
O dólar subiu mais, aproximando-se da alta de dois anos que atingiu em abril ( Imagem: Marcello Casal JrAgência Brasil)

Durante a noite, o dólar ficou estável contra o yuan chinês, mas subiu acentuadamente em relação às moedas de economia avançada, depois que o banco central da Austrália sinalizou que pode cortar as taxas de juros em sua reunião de política no mês que vem.

O euro e a libra esterlina, entretanto, continuam a trabalhar sob as preocupações em relação o Brexit e os resultados das eleições parlamentares europeias desta semana. A OCDE em seu relatório alertou o Banco da Inglaterra contra o aumento das taxas de juros em meio à atual incerteza sobre o Brexit. O BoE sinalizou que acha que o aperto no mercado de trabalho justificaria um aumento da taxa, caso as outras coisas permaneçam iguais.

5 – Vendas de imóveis usados e discursos do Fed

Um calendário de dados relativamente leve é liderado hoje pelos dados de vendas de imóveis usados às 11h00. As expectativas são de um aumento de 2,7% após uma queda de 4,9% em março.

Destaque também para os discursos do presidente do Fed de Chicago, Charles Evans, às 11h45, e do presidente do Fed de Boston, Eric Rosengren, às 13 horas.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Leia mais sobre: , ,

Última atualização por Bruno Andrade - 21/05/2019 - 8:00

Cotações Crypto
Pela Web