Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Bancos reagem e Ibovespa fecha em alta ajudado por Vale e PEC

02/03/2021 - 18:09
Santander Bancos Empresas
Índice de referência do mercado acionário brasileiro, o Ibovespa subiu 1,19%, a 111.647,32 pontos (Imagem: Reuters/Amanda Perobelli

O Ibovespa (IBOV) fechou em alta de mais de 1% nesta terça-feira, superando os 112 mil pontos no melhor momento, apoiado principalmente na Vale (VALE3), mas também na forte recuperação de bancos, após o pregão pressionado por receios com os rumos da política econômica do governo de Jair Bolsonaro.

Índice de referência do mercado acionário brasileiro, o Ibovespa subiu 1,09%, a 111.539,80 pontos. Na máxima, chegou a 112.428,08 pontos (+1,9%). No pior momento, pela manhã, bateu 107.319,15 pontos (-2,7%).

O volume financeiro da sessão alcançou 47 bilhões de reais.

Novas medidas fiscais adotadas pelo governo foram percebidas no mercado financeiro como mais um sinal de mudança de política econômica, para um viés mais populista e menos liberal, na contramão das promessas durante a campanha eleitoral.

Abrão Filho aumenta 135% sua receita em 2021

A decisão de zerar as alíquotas do PIS/Cofins sobre a comercialização e a importação do óleo diesel e do gás de cozinha e, em contrapartida, elevar a Contribuição Social sobre Lucro Líquido (CSLL) de bancos ecoou sons do passado, quando canetadas acarretaram efeitos nocivos à economia.

Após fortes perdas no começo da sessão, as ações de bancos já haviam se afastado das mínimas no final da manhã e engataram forte reação na parte da tarde.

Para analistas do Bradesco BBI, os efeitos da medida já estavam no preço das ações após a queda também pronunciada da véspera, quando saíram as primeiras notícias sobre a medida. Eles, porém, avaliaram que a notícia cria mais um precedente negativo ao setor.

Em meio a preocupações com as negociações para aprovação da PEC Emergencial no Congresso Nacional, foi avaliado como um componente para a melhora o novo parecer protocolado nesta terça-feira, com uma versão mais desidratada da proposta, para facilitar sua votação.

Foram retirados do texto a desvinculação de recursos da saúde e da educação, assim como a medidas do chamado equilíbrio fiscal intergeracional. Também foi cortada da PEC a revogação de repasses do PIS/Pasep para o BNDES. Ao mesmo tempo, deixa clara a manutenção de gatilhos fiscais.

Além da PEC, o chefe de renda variável e sócio da Monte Bravo Investimentos, Bruno Madruga, também relacionou a melhora no pregão a movimentos de ajustes a “exageros” do começo da sessão, principalmente nas ações dos bancos, “com investidores aproveitando uma certa barganha no setor”.

Destaques

Itaú Unibanco (ITUB4) fechou em alta de 4,04%, após recuar 3,4% mais cedo, tocando mínima intradia em cerca de quatro meses, a 23,92 reais.

A reação veio após o papel ter perdido 8,5% nas quatro sessões anteriores, que fechou consecutivamente no vermelho.

Entre os papéis de bancos no Ibovespa, Bradesco (BBDC4) subiu 2,68%, Banco do Brasil (BBAS3) avançou 3,84% e Santander Brasil (SANB11)  valorizou-se 3,14%.

Vale (VALE3) avançou 3,07%, a 101,60 reais. O BTG Pactual (BPAC11) estimou Ebitda em 2021 de 35 bilhões de dólares para a companhia, com geração de fluxo de caixa livre de cerca de 20 bilhões de dólares neste ano. “Nós compraríamos ações nos níveis atuais”, afirmaram Leonardo Correa e Caio Greiner, que ainda elevaram o preço-alvo dos ADRs da mineradora de 21 para 27 dólares. Todas as ações do setor de mineração e siderurgia do Ibovespa fecharam no azul.

Petrobras (PETR4)  caiu 0,05% e Petrobras (PETR3) cedeu 0,45%, sem alívio nos receios sobre autonomia da estatal, incluindo a política de preços.

O Goldman Sachs manteve recomendação de compra para as ações, dado o “valuation” atrativo. Mas disse que o risco significativamente nas últimas semanas como resultado do descontentamento do governo federal com a política de preços de combustíveis da companhia.

Braskem (BRKM5)  recuou 4%, entre as maiores baixas, também sofrendo com as compensações fiscais anunciadas pelo governo, notadamente o encerramento do Regime Especial da Indústria Química (Reiq), que reduzia alíquotas de PIS e Cofins na compra de determinadas matérias-primas petroquímicas.

Via Varejo (VVAR3) perdeu 0,74%, desacelerando as perdas no final da sessão, antes do balanço do quarto trimestre. No setor, B2W (BTOW3) caiu 2,65% e Magazine Luiza (MGLU3)  cedeu 1,14%. Ambas também reportam resultados nesta semana.

Em Nova York, Mercado Livre recuou 4,14%, mesmo após reportar alta de quase 100% na receita líquida de outubro a dezembro. A empresa também anunciou que vai investir 10 bilhões de reais no Brasil em 2021.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por André Luiz - 02/03/2021 - 19:15

Pela Web