Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

BCE quer novas métricas para fundamentar debate sobre estímulos

21/01/2021 - 20:10
BCE Banco Central Europeu Frankfurt Alemanha Europa
O BCE ampliou o suporte monetário para a economia em dezembro e justificou a decisão em parte pela necessidade de preservar condições de financiamento “favoráveis” para empresas e famílias (Imagem: Unsplash/@charlottevenema)

Autoridades do Banco Central Europeu pediram que os funcionários proponham novas maneiras de medir as condições financeiras na zona do euro, o que potencialmente fundamentaria decisões futuras sobre quanto estímulo é necessário na economia da região, abalada pela pandemia.

O Comitê de Política Monetária do BCE foi encarregado de apresentar propostas a tempo para a reunião de março, segundo pessoas familiarizadas com a questão. De acordo com essas fontes, que pediram anonimato porque as discussões têm caráter privado, alguns representantes do alto escalão desejam novas maneiras de medir o impacto dos juros em mínimas históricas e das compras de ativos pelo BCE sobre as condições de crédito.

O BCE ampliou o suporte monetário para a economia em dezembro e justificou a decisão em parte pela necessidade de preservar condições de financiamento “favoráveis” para empresas e famílias. Como o significado desse termo ainda não foi esclarecido, os investidores não sabem quais condições desencadeariam novas medidas por parte da instituição sediada em Frankfurt.

A presidente do BCE, Christine Lagarde, foi questionada na quinta-feira sobre quais indicadores estão sendo considerados e respondeu que ela e seus colegas adotarão uma abordagem ampla.

“Nossa avaliação das condições de financiamento favoráveis não é determinada por nenhum indicador único”, disse ela. “É uma abordagem holística. Leva em consideração vários indicadores, como empréstimo bancário, condições de crédito, rendimento dos títulos corporativos, rendimento dos títulos soberanos, e é combinando todos eles que tentamos avaliar se as condições de financiamento são favoráveis ou não.”

Segundo as fontes, o economista-chefe Philip Lane supervisionou as discussões sobre várias opções durante a reunião desta semana — desde a escolha de um conjunto mais ou menos flexível de indicadores até a construção de índices fixos. Essas pessoas também destacaram que, seja qual for a conclusão, é preciso manter flexibilidade suficiente e espaço para avaliação. Nem todos no alto escalão do BCE concordam sobre a necessidade de novas métricas.

Durante um seminário separado sobre instrumentos de política governamental que faz parte da revisão estratégica do BCE, as autoridades também discutiram o futuro dos planos de compra de ativos e se os elementos do programa de compras emergenciais na pandemia devem permanecer e ser aplicados a um programa de compra de ativos mais antigo.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Diana Cheng - 21/01/2021 - 20:10