Binance acrescenta 30 milhões de tether a seu fundo de segurança

12/05/2020 - 16:16
Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento
binance
Binance decidiu acrescentar milhões de tethers a seu fundo de segurança para proteger seus usuários da oscilação de preço do bitcoin no dia 10 de maio (Imagem: Wccftech)

No dia 10 de maio, mais de 13 milhões de tethers (USDT) do Fundo de Segurança da Binance Futures foi utilizado para proteger usuários que negociavam os produtos de derivativos na Binance.

O preço do bitcoin caiu de US$ 9,5 para uma baixa de US$ 8,1 mil em apenas uma hora no dia 10 de maio, resultando em grandes liquidações e posições de negociação sendo fechadas.

O gráfico abaixo ilustra o número de liquidações que aconteceram durante esse período na BitMEX, outra plataforma de futuros de cripto.

Liquidações em bitcoin/dólar na BitMEX (Imagem: Skew)

Negociadores na Binance podem usar alavancagem e só devem cumprir com os requisitos de margem para abrir posições em um contrato de futuros.

Esse é um recurso-chave que torna o mercado de futuros atrativo, já que permite que negociadores gerem lucro a partir de pequenas variações na movimentação de preço. Além disso, alavancagem tem o potencial de ampliar lucros ou perdas de um negociador.

Corretoras de futuros apresentaram inúmeros mecanismos de gerenciamento de risco para proteger negociadores com alta alavancagem de terem grandes perdas. Um desses mecanismos é liquidação, um recurso de segurança que evita que liquidadores tenham capital negativo.

Em mercados voláteis, posições alavancadas são suscetíveis a lacunas de preço que possam fazer com que o investimento de negociadores despenque, instantaneamente, para um território negativo.

Para evitar perda total das posições compradas, corretoras tentam oferecer um preço de liquidação (Imagem: Freepik/iconicbestiary)

Nessas situações, perdas podem ser maiores do que a margem de negociação. Como consequência, os perdedores são liquidados e podem não ter margem suficiente em suas posições para pagar o que devem.

Para evitar que isso aconteça, corretoras tendem a liquidar as posições de perda a um preço melhor do que o preço de falência, conhecido como “preço de liquidação”.

Quando há casos em que uma corretora é incapaz de liquidar posições antes que um negociador atinja um saldo negativo, os métodos a seguir são utilizados para cobrir as perdas de posições falidas:

1. Fundo de Segurança: fundo mantido pela corretora para certificar que negociadores rentáveis recebam seus lucros completos e para cobrir quaisquer perdas excedentes de um negociador falido;

2. Sistema de Socialização de Perdas: perdas são distribuídas entre todos os negociadores rentáveis;

3. Liquidações Autoalavancadas (ADLs): a corretora seleciona negociadores contrários em ordem de alavancagem e rentabilidade. Algumas de suas posições são automaticamente liquidadas para cobrir a perda.

Após a queda de preço do bitcoin no dia 10 de maio, Binance injetou 30 milhões de tether (USDT) em seu Fundo de Segurança para manter um equilíbrio grande o suficiente para proteger seus usuários.

tether
Tether é uma das principais stablecoins (moedas de preço fixo) da indústria cripto, e é lastreada em dólares, ou seja, possui o mesmo preço que a moeda americana (Imagem: Twitter/Tether)

O anúncio foi primeiramente compartilhado com usuários da BNC Pro. Esse foi um acréscimo aos 7,5 milhões de tether adicionados ao fundo de liquidação no dia 30 de abril.

Contanto que a corretora possa liquidar uma posição a um preço melhor do que o preço de falência, existe um influxo positivo ao fundo de segurança.

O capital remanescente das contas liquidadas, ou seja, a diferença de preço (“spread”) entre o preço de liquidação e o preço de falência, é mantido no fundo de segurança.

O modelo de fundo de segurança não é exclusivo a corretoras de derivativos de cripto. Corretoras tradicionais como CME e CBOE também têm sistemas de proteção maiores que o das corretoras nativas de cripto e podem fornecer suporte a diversas inadimplências.

Esses sistemas de proteção envolvem diversas partes, como câmaras de compensação, membros compensadores e, geralmente, demandam mais garantia do que corretoras não reguladas.

O fundo de liquidação da BitMEX acumula 35.496 BTC, ou 0,2% do fornecimento total do bitcoin. A um preço de US$ 8,7 mil por bitcoin, a BitMEX possui um fundo de segurança equivalente a US$ 308 milhões. Binance, em comparação, possui um fundo de segurança equivalente a US$ 32 milhões.

Quantidade de bitcoins acumulados no fundo de liquidação da BitMEX (Imagem: BitMEX)

Porém, corretoras são incentivadas a liquidar posições a preços melhores que o preço de liquidação para evitar um custo escondido de preço (“slippage”). Esse incentivo pode resultar em práticas agressivas de liquidação das corretoras, punindo os negociadores falidos.

Por conta da liquidação de uma punição ser acrescentada a um fundo de segurança devido à natureza do mecanismo de liquidação, alguns negociadores acreditam que corretoras possam até mesmo negociar contra seus usuários para liquidá-los.

Novo! Receba Grátis a Newsletter
Crypto Times
Uma newsletter que minera informação para você!

Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Daniela Pereira do Nascimento - 12/05/2020 - 16:16

Cotações Crypto
Pela Web