Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Bitcoin cai pois Japão irá investigar corretoras de criptomoedas após ataque

29/01/2018 - 9:36

Investing.com – A cotação da moeda digital bitcoin caía nesta segunda-feira após o regulador financeiro do Japão afirmar que irá investigar corretoras de criptomoedas após hackers terem roubado US$ 530 milhões da Coincheck, corretora de critpomoedas com sede em Tóquio, na semana passada.

bitcoin era negociado a US$ 11.383,00 às 07h49 na corretora Bitfinex.

ethereum, segunda maior criptomoeda em termos de capitalização de mercado, era negociado por US$ 1.1186,30 na corretora Bitfinex.

Enquanto isso, o token XRP da Ripple estava cotado em torno de US$ 1,29 na corretora Poloniex.

A Agência de Serviços Financeiros do Japão afirmou nesta segunda-feira que irá inspecionar todas as corretoras de criptomoedas e exigiu melhorias na Coincheck, que suspendeu as negociações na sexta-feira após hackers terem roubado o equivalente a US$ 530 milhões em moedas virtuais em um dos maiores roubos da história de dinheiro digital.

Em uma declaração no domingo, a Coincheck afirmou que irá reembolsar cerca de 46 bilhões de ienes (US$ 425 milhões) aos clientes, o que cobre quase 90% de tudo o que foi perdido no ataque.

Cerca de 260.000 clientes teriam sido afetados pelo roubo.

A Agência de Serviços Financeiros do Japão ainda irá confirmar se a Coincheck possui recursos suficientes para o reembolso.

O roubo deu destaque às preocupações com segurança e regulamentação em torno de moedas digitais em meio a um aumento exponencial na demanda e no preço nos últimos meses.

Em 2014, a MtGox, outra corretora de Tóquio, faliu após admitir que quase meio bilhão de dólares haviam sido roubados de sua rede.

Muitos países estão restringindo a negociação de criptomoedas.

Reguladores na Coreia do Sul, país em que a especulação em criptomoedas é frequente, afirmaram que o governo irá proibir a utilização de contas bancárias anonimato na negociação de criptomoedas a partir de 30 de janeiro.

Autoridades chinesas proibiram as ofertas iniciais de moedas e fecharam plataformas locais de negociação no ano passado.

A Comissão de Valores Mobiliários das Filipinas afirmou nesta segunda-feira que está elaborando regras para regulamentar as transações de criptomoedas para proteger investidores e reduzir o risco de fraude.

Mas o Japão adotou uma abordagem diferente, se tornando o primeiro país a introduzir regulamentação governamental no ano passado em uma tentativa de alavancar seu setor de fintechs para estimular o crescimento econômico.

Por Investing.com

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Leia mais sobre: ,

Última atualização por Gustavo Kahil - 29/01/2018 - 9:36

Cotações Crypto
Pela Web