Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Bitfinex adiciona suporte a depósitos e retiradas da Lightning Network

03/12/2019 - 15:00
(Imagem: News.BTC)

A Bitfinex, está adicionando suporte à transações usando a solução de dimensionamento de camada dois do Bitcoin, a Lightning Network. Paolo Ardoino, CTO da Bitfinex, teria dito ao The Block que está tentando trazer o Tether (USDT) e o Tether Gold para a rede.

“Na Bitfinex, achamos a Lightning Network pode ser a virada de jogo de nossa indústria, pois permite micropagamentos P2P com pequenas taxas e alta taxa de transferência.”

A Lightning Network é uma rede que funciona como uma segunda camada do Bitcoin e permite a realização de transações com Bitcoins fora do blockchain. O conceito foi criado em 2015 por Joseph Poon e Thaddeus Dryja como uma possível solução ao problema de escalabilidade do Bitcoin (a versão mais recente do white paper pode ser encontrada aqui).

A questão da escalabilidade

Embora o número de participantes e de transações na rede Bitcoin tenha aumentado consideravelmente desde a sua implementação em 2009, as limitações de tamanho e de frequência da criação de um bloco foram mantidas (um bloco de 1 MB é criado a cada 10 minutos, em média).

O Bitcoin é, assim, capaz de processar de 3 a 7 transações por segundo. Para ser utilizado diariamente como forma de pagamento, porém, precisaria processar milhões de transações por dia de uma forma rápida

Há, então, uma preocupação com a escalabilidade, já que, com essa velocidade, a expansão do número de usuários poderia provocar um aumento no tempo de espera para o processamento de uma transação, a rede poderia ficar congestionada e o valor das taxas poderia crescer.

A Lightning Network é adequada para a realização de micropagamentos (uma transação que envolve uma fração muita pequena de bitcoins). Ela pode ser utilizada para pagar suas compras em um café que costuma frequentar ou pode ser implementada em aparelhos conectados (Internet das Coisas), na qual as transações ocorrem sem a interferência de humanos.

Ela não é muito adequada, porém, para pagamentos de alto valor, pois depende de carteiras multi-assinadas que precisam ter fundos suficientes para completar a transação, e não garante a segurança do blockchain, já que as trocas são off-chain.

Como as transações na Lightning Network acontecem quase instantaneamente, a realização de swaps atômicos (contratos inteligentes que permitem a troca de uma criptomoeda por outra sem a existência de um intermediário) é facilitada. Além disso, os canais podem ser usados para facilitar micro-negociações entre diferentes corretoras de criptomoedas feitas pelos clientes.

A Lightning Network foi inicialmente concebida para o Bitcoin, mas está sendo desenvolvida para diversas outras criptomoedas, como Stellar, Litecoin, Zcash, Ether e XRP. Com informações do Cryptowatch.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Leandro França de Mello - 03/12/2019 - 12:27

Cotações Crypto
Pela Web