Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

BR Malls reabre mais cinco shoppings em Goiás e no Paraná

20/07/2020 - 10:41
brMalls BRML3
A companhia tem até esta segunda-feira 23 shoppings abertos (Imagem: Money Times/Gustavo Kahil)

A BR Malls (BRML3) retomou na última semana operações de mais cinco shoppings, sendo eles, Goiânia Shopping e Araguaia Shopping, em Goiás, e Shopping Estação, Shopping Curitiba e Shopping Catuaí Londrina, no Paraná.

Em paralelo, por determinação das autoridades públicas no âmbito da pandemia do Covid-19, a companhia suspendeu temporariamente as atividades do Shopping Iguatemi Caxias do Sul, no Rio Grande do Sul, desde 14 de julho, mas manteve serviços de delivery, drive-thru e atividades essenciais.

A companhia tem até esta segunda-feira 23 shoppings abertos, os quais ainda possuem restrições no horário de funcionamento, representando 76,1% da área bruta locável (ABL) total e 74,3% da ABL própria do grupo.

A BR Malls acrescentou ainda que o total de unidades abertas representou 78,6% do NOI core (medida de resultado operacional) em 2019.

Aluguéis só devem retomar patamares pré-pandemia em 2021

Varejo Coronavírus Shoppings
Recuperação deve ficar para 2021 (Imagem: Câmara dos Deputados/Ricardo Stuckert)

A recuperação de aluguéis em shoppings, que estão há mais de três meses fornecendo descontos aos lojistas, é incerta e só deve retornar os níveis pré-pandemia em 2021.

Em live realizada pelo jornal Valor Econômico, os presidentes da BR Malls e Aliansce Sonae (ALSO3) afirmaram que a a tendência é que tal cobrança se normalize ao longo de 2021, dependendo do ritmo de retomada da economia.

“O setor de shoppings foi altamente impactado com o isolamento social. Os lojistas ficaram em situações bastante complicadas, e as expectativas para a retomada são de que está não deverá ser muito rápida”, ressalta a Guide Investimentos em relatório enviado a clientes no dia 10 de julho.

De acordo com a corretora, os lojistas reclamam que o fluxos de clientes não voltaram na mesma proporção da taxa cobrada. Os centros comerciais estão funcionando com horário reduzido e menor capacidade.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Lucas Simões - 20/07/2020 - 10:49