Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Brasil supera 235 mil obítos por Covid; Pazuello fala em “números inacreditáveis”

11/02/2021 - 18:05
Coronavirus
Estado brasileiro mais afetado pela doença, São Paulo atingiu nesta quinta as marcas de 1.889.969 casos (Imagem: Douglas Lopes/Conexão Saude)

O Brasil registrou nesta quinta-feira 1.351 novos óbitos em decorrência da Covid-19, o que eleva o total de vítimas fatais da doença no país a 236.201, informou o Ministério da Saúde.

Também foram notificados 54.742 novos casos de coronavírus, com o total de infecções confirmadas atingindo 9.713.909, acrescentou a pasta.

O país tem enfrentado uma nova onda da pandemia, descrita nesta quinta-feira pelo ministro da Saúde, general Eduardo Pazuello, como “um momento muito difícil para nosso povo, nossos Estados e para o mundo todo”.

Apesar dos patamares elevados nos indicadores da Covid-19, a contagem diária de casos divulgada pelo governo federal não supera a marca de 60 mil desde 28 de janeiro. O patamar foi ultrapassado com frequência durante o mês passado.

O Brasil é o segundo país com maior número de mortes por coronavírus no mundo, atrás apenas dos Estados Unidos, e o terceiro em casos, abaixo dos EUA e da Índia.

Durante audiência no Senado, Pazuello disse que as perspectivas de queda que chegaram a ser vistas nos índices da pandemia no segundo semestre do ano passado foram quebradas por números “inacreditáveis” nos últimos três meses.

“No segundo semestre de 2020 nós víamos uma estabilidade clara de queda de contágios e óbitos no nosso país, principalmente na região Norte, na região Sudeste e Sul que começou mais tarde, estava numa segunda onda de queda também”, afirmou o ministro.

“Essa ideia foi quebrada. Nos últimos 90 dias, números inacreditáveis de casos e mortes mundo afora”, acrescentou.

Estado brasileiro mais afetado pela doença, São Paulo atingiu nesta quinta as marcas de 1.889.969 casos e 55.742 mortes.

Minas Gerais é o segundo Estado com maior número de infecções pelo coronavírus, com 793.157 casos, mas o Rio de Janeiro é o segundo com mais óbitos contabilizados, com 31.134 mortes.

O ministério ainda reporta 8.643.693 pessoas recuperadas da Covid-19 e 834.015 pacientes em acompanhamento no país.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por André Luiz - 11/02/2021 - 18:05