Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

BTG sustenta visão de longo prazo positiva para Tupy após resultados

30/06/2020 - 9:46
O prejuízo de R$ 207,5 milhões, impactado pelo coronavírus, foi compensado pela forte margem Ebitda de 15,1% (Imagem: YouTube/Tupy Conexões)

O balanço da Tupy (TUPY3) veio majoritariamente em linha com as estimativas do BTG Pactual (BPAC11). O prejuízo de R$ 207,5 milhões, impactado pelo coronavírus, foi compensado pela forte margem Ebitda de 15,1%.

A geração de caixa no período, de R$ 525 milhões, também foi positiva, embora a alavancagem tenha crescido 1,7 vez a dívida líquida sobre o Ebitda.

A receita líquida atingiu R$ 1,1 bilhão, queda de 15% na comparação anual. O desempenho foi afetado pelo decréscimo acentuado de volumes.

“A maior parte da redução dos volumes veio pelo mercado doméstico (-33% ano a ano) devido à queda de pedidos pelos clientes. Os volumes no mercado estrangeiro caíram 22%, também impactados pela crise da covid-19”, comentou o BTG.

Longo prazo

Os analistas do banco mantiveram a recomendação de compra para a ação, com preço-alvo em 12 meses de R$ 21.

A indicação é baseada no cenário de longo prazo. Apesar dos desafios atuais para a indústria automotiva, o BTG leva em consideração a recuperação esperada para a economia brasileira e a valorização do dólar, que deve permanecer em alta por mais algum tempo.

Além disso, a aquisição da Teksid pode trazer grandes sinergias, o que colocaria a Tupy em outro nível de escala global.

Chegou a nova newsletter Comprar ou Vender

As melhores dicas de investimentos, todos os dias, em seu e-mail!

Última atualização por Diana Cheng - 30/06/2020 - 9:46