Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Como a pandemia está mudando o equilíbrio da vida profissional

01/08/2020 - 15:04
China Ásia Coronavírus Máscaras Consumo
Eventos sociais após o trabalho como esses têm sido características de empresas que buscam promover um senso de comunidade entre os funcionários (Imagem: Reuters/Thomas Peter)

Quando se trata de ajudar os funcionários a equilibrar as horas de trabalho com relaxamento, o diretor executivo da Acuity Insurance, Ben Salzmann, tem uma ferramenta única à sua disposição: uma roda-gigante de 65 pés.

Antes da pandemia, Salzmann ligava regularmente o parque de diversões dentro da sede da empresa em Sheboygan, Wisconsin. Cerca de duas vezes por mês, os funcionários eram convidados a levar suas famílias para alguns passeios.

Eventos sociais após o trabalho como esses têm sido características de empresas que buscam promover um senso de comunidade entre os funcionários. Mas como todos sabemos muito bem, esses dias acabaram por enquanto – e as empresas interessadas em manter os trabalhadores satisfeitos e produtivos enfrentam um desafio sem precedentes.

A Acuity é uma das empresas americanas consideradas as melhores para o equilíbrio entre vida profissional e pessoal, de acordo com os dados da Glassdoor de 1º de julho de 2019 a 30 de junho de 2020.

Algumas delas estão adotando abordagens muito diferentes para manter uma reputação de amigável ao funcionário, mas um tema consistente tem sido garantir que os trabalhadores tirem uma folga.

Seja porque eles não podem sair de férias de verdade devido aos riscos de infecção ou porque temem perder o emprego quando dezenas de milhões de americanos estão desempregados, muitos funcionários simplesmente não param de trabalhar, em um momento em que o estresse e o esgotamento provavelmente estão fora do comum.

Este ano é diferente de qualquer outro na memória recente quando se trata do local de trabalho americano. A pandemia de Covid-19 resultou em 4,3 milhões de infecções confirmadas e em mais de 148.000 mortes nos EUA, números que devem continuar aumentando no futuro próximo. Para alguns trabalhadores, isso significou uma transição sem precedentes para o trabalho em casa.

Os gerentes de recursos humanos disseram que a flexibilidade de horários e o apoio aos pais que trabalham são soluções populares, de acordo com uma pesquisa publicada no MIT Sloan Management Review em junho.

Estender políticas de folga e ajudar os funcionários a gerenciar melhor as cargas de trabalho eram abordagens menos comuns. Algumas empresas disseram que estão contemplando mudanças permanentes para o modelo de trabalho em casa.

Na Acuity, a roda-gigante reflete um componente-chave do esforço pré-pandêmico da empresa para alcançar o equilíbrio no ambiente de trabalho.

Desde uma escalada na parede até a manutenção de um centro de fitness, a seguradora os usou para dar aos trabalhadores uma maneira de recarregar as baterias. Agora, esses passeios de roda gigante foram substituídos por cartões-presente para restaurantes e compras locais (e online). Os serviços de academia agora se tornaram aulas virtuais, disse a empresa.

Na empresa de segurança cibernética KnowBe4, a pandemia também impulsionou a cultura do local de trabalho online. Erika Lance, vice-presidente sênior de operações de pessoas, disse que começou a oferecer aulas diárias virtuais, como kickboxing e yoga, através da intranet da empresa.

Os gerentes estão até pedindo aos funcionários que compartilhem fotos de seus novos “colegas de trabalho”, sejam crianças ou cães.

“Acho que a comunidade virtual ainda permanecerá viva, e será incorporada à comunidade pessoal”, disse Lance.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Vitória Fernandes - 29/07/2020 - 17:44