Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Conservador, moderado ou agressivo: as melhores ações para 2020, segundo seu perfil

10/12/2019 - 13:38
B3 Mercados
“Nosso foco de recomendações será em setores beneficiados por um ambiente de juros mais baixos e pela queda do desemprego”, explicou a Genial (Imagem: B3/Youtube)

A Genial Investimentos divulgou as listas das melhores ações para 2020 voltadas a três perfis diferentes de investidor: conservador, moderado e agressivo.

As carteiras são baseadas nos setores de construção civil, locação de automóveis, siderurgia, exploração de imóveis, varejo, logística, instituições financeiras, saúde e materiais básicos.

“Nosso foco de recomendações será em setores beneficiados por um ambiente de juros mais baixos e pela queda do desemprego”, explicou Filipe Villegas, estrategista da Genial. “Eles devem surfar junto com a retomada do crescimento da economia”.

A corretora também possui uma visão otimista para frigoríficos e empresa ligadas a papel e celulose.

Confira abaixo a carteira sugerida para cada tipo de perfil:


Análise setorial

Construção civil e exploração de imóveis

Os últimos dados de construção civil registraram aumento do número de vendas de imóveis e crescimento das ofertas de emprego, o que leva a crer que o setor irá se beneficiar de um cenário mais otimista.

Segundo a Genial, empresas que foram capazes de montar um portfólio de terrenos e imóveis durante a crise no Brasil nos últimos anos também devem se beneficiar de um ambiente mais favorável para negócios.

Chegou a nova newsletter Comprar ou Vender

As melhores dicas de investimentos, todos os dias, em seu e-mail!

Siderurgia e mineração

A corretora conseguiu identificar um valuation atrativo para as empresas de siderurgia e mineração mesmo com a pressão sofrida pelo setor com a guerra comercial.

“Há uma expectativa de retomada da economia brasileira puxada pelo avanço do setor de construção civil e montadores, influenciando assim as expectativas para um aumento dos preços do aço, bem como para o volume de vendas”, afirmou Villengas.

Locação de automóveis

A Genial acredita no potencial de empresas que trabalham com aluguel de carros e vendas de seminovos (Imagem: Divulgação/Movida)

A Genial acredita no potencial de empresas que trabalham com aluguel de carros e vendas de seminovos, uma vez que o cenário atual contribui para o crescimento contínuo de locadoras por meio da melhora da eficiência operacional e da entrega de novos produtos.

Varejo

A visão positiva da corretora sobre o setor pode ser explicada pelo movimento da Black Friday neste ano, que cresceu mais de 20% ante 2018. A expectativa para o Natal é de que as vendas sejam as melhores desde 2013.

Financeiro

Ao passo que as empresas do setor devem passar por um momento de crescimento de volumes, espera-se um forte aumento na demanda por crédito do lado do consumidor.

“Também acreditamos que o mercado de capitais deve se beneficiar de um aumento do número de investidores e assim atrair a entrada de muitas empresas à bolsa de valores”, acrescentou Villegas.

Saúde

A corretora estima que cada vez mais brasileiros terão acesso a serviços médicos privados. A capitalização das empresas do setor para a obtenção de recursos comprova que os próximos anos serão bastante construtivos para o setor.

Frigoríficos

Marfrig
O crescimento da demanda por carne irá beneficiar as empresas locais por pelo menos mais três semestres, estima a Genial (Imagem: Divulgação/Marfrig)

Com o surto de peste suína africana na China, a demanda por carne cresceu, impulsionando tanto o volume de importações por parte do país asiático quanto os preços nos mercados internacionais.

A Genial acredita que esse movimento de alta irá beneficiar as empresas locais por pelo menos mais três semestres, enxergando espaço para uma valorização das empresas frigorificas.

Papel e celulose

O setor de papel e celulose também sofreu pressão com os desdobramentos da guerra comercial, mas os últimos resultados revelaram grandes esforços na redução de estoques e na melhoria da eficiência operacional.

“Acreditamos que existe uma assimetria positiva e oportunidade para compra de empresas do setor que também devem ser favorecidas por um dólar mais forte”, concluiu o estrategista da Genial.

Expectativas para o próximo ano

2020 parece ser um ano muito promissor, na avaliação da Genial, principalmente devido às reformas conquistadas nos últimos anos, que devem trazer juros mais baixos, controlar a inflação e elevar os níveis de confiança para patamares anteriores.

De acordo com Villegas, mesmo com a alta do dólar e as incertezas da guerra comercial entre Estados Unidos e China, as ações de países emergentes estão atrativas.

“Olhando exclusivamente para o Brasil, chegamos à conclusão de que temos uma narrativa única entre os mercados emergentes”, disse o analista. “O Brasil hoje, comparando com outros países emergentes, apresenta a melhor combinação entre atraso no ritmo de produção e forte expectativa de crescimento em relação ao atual momento econômico. E é exatamente isso que gera uma oportunidade de valorização para a bolsa brasileira”.

Última atualização por Márcio Juliboni - 10/12/2019 - 13:38