Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Diretoria da Tereos se corrige e não fala mais em perda de 2 milhões/t pelas geadas

07/08/2019 - 9:05
Colheita de cana no Centro-Sul segue ainda vendo o impacto das geadas (Imagem: Luke Sharrett/Bloomberg)

Após ter informado quebra de 2 milhões de toneladas de cana pelos efeitos das geadas (veja no link abaixo), o diretor da região Brasil do Grupo Tereos preferiu se corrigir.

Apesar do questionamento bastante direto “qual foi o impacto das geadas”, Jacyr da Costa Filho teria entendido a pergunta como sendo sobre a área de precipitação do fenômeno climático.

Por uma régua nada usual nos manuais quando o mais simples e técnico é falar em hectares – e se a pergunta fosse sobre isso – dois milhões de toneladas, portanto, terão sido o volume de cana equivalente em área sobre o qual as geadas caíram nas sete unidades do Tereos.

A Tereos estima perda de 50 mil toneladas sobre as estimadas 2 milhões de toneladas que receberam o impacto do frio intenso.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Leia mais sobre: Agronegócio, Cana-de-Açúcar

Última atualização por Giovanni Lorenzon - 07/08/2019 - 9:09