Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Eletropaulo e Eletrobras se aproximam de acordo sobre dívida bilionária, diz Estadão

02/03/2018 - 7:59

Investing.com – O acordo entre a distribuidora de energia Eletropaulo (ELPL3) e a Eletrobras (ELET3) está muito próximo acontecer, encerrando uma disputa de cerca de anos. Segundo informações da Coluna do Broad, publicada hoje no Estadão, as empresas devem bater o martelo e assinar um acordo muito em breve.

Preliminarmente, as duas empresas já haviam acertado valor de R$ 1,6 bilhão a ser pago pela distribuidora para encerrar a disputa. No entanto, era necessário um entendimento referente a forma que os valores seriam pagos. Segundo o jornal, deve haver uma parcela inicial à vista que giraria entre R$ 300 milhões e R$ 700 milhões. O primeiro valor é o que a distribuidora defende, enquanto o segundo é o pretendido pela estatal.

Com a entrada definida, o restante seria pago em parcelas anuais, a serem pagos em prazo que deve ser menor que os 10 anos inicialmente sinalizados nas primeiras conversas. A forma de pagamento terá impacto importante para as duas empresas. Para Eletrobras, interessa a maior entrada de recursos possível no curto prazo, já que empresa busca reduzir o endividamento.

Para a distribuidora paulista, os compromissos que serão assumidos devem estar de acordo com seu fluxo de caixa, além de não querer atrelar o acordo a a qualquer plano de emissão de ações.

A Eletropaulo fechou o terceiro trimestre de 2017 com mais de 400 milhões de reais em caixa e equivalentes de caixa, segundo o balanço mais recente divulgado pela companhia.

Em paralelo às negociações sobre a dívida, a Eletropaulo tem avaliado a realização de uma oferta primária de ações que poderia levantar até 1,5 bilhão de reais para investimentos em seu plano de negócios, disse a fonte.

A distribuidora anunciou nesta semana que pretende investir 4,94 bilhões de reais entre 2018 e 2022.

A oferta deve envolver ainda uma emissão secundária para que a AES e o BNDES vendam total ou parcialmente suas fatias na Eletropaulo, em uma decisão que dependeria também do preço a ser fixado para a transação, disse a fonte.

“É natural que os dois, AES e BNDES, considerem vender, mais intensamente a AES”, afirmou.

O movimento seguiria um posicionamento estratégico global da AES de deixar o setor de distribuição de energia para focar em geração, principalmente com fontes renováveis.

Com Reuters

Por Investing.com

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Gustavo Kahil - 02/03/2018 - 7:59

Cotações Crypto
Pela Web