Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

EUA geram 1,4 milhão de empregos em agosto, e taxa de desemprego cai para 8,4%

04/09/2020 - 9:36
Indústria Carros Setor Automotivo
Boa notícia: indicador veio dentro do esperado pelo mercado (Imagem: Reuters/Charles Mostoller)

Os Estados Unidos criaram 1,4 milhão de empregos em agosto, excluindo-se o setor agrícola. Com isso, a taxa de desemprego recuou para 8,4%. Segundo o Bureau de Estatísticas do Trabalho dos EUA, o resultado reflete a contínua recuperação da economia, após o impacto da pandemia de coronavírus.

O indicador era o mais esperado pelo mercado, nesta sexta-feira (04), e veio dentro das expectativas, que giravam entre 1,2 milhão e 1,4 milhão de vagas.

O governo americano, contudo, teve um papel primordial na abertura de vagas no mês passado. De acordo com o Bureau, parte dos empregos gerados deve-se à contratação de funcionários temporários para a realização do censo de 2020.

Outros setores econômicos também registraram criação de postos de trabalho, com destaque para o varejo, serviços, lazer, hotelaria, educação e saúde.

Desemprego

O recuo da taxa de desocupados foi de 1,8 ponto percentual. Com isso, 2,8 milhões de pessoas deixaram essa condição no mês passado. O contingente de americanos que ainda procura trabalho, contudo, é de 13,6 milhões de indivíduos.

O Bureau observa que agosto marcou o quarto mês consecutivo de recuo da taxa de desemprego e do número total de pessoas desocupadas. Entre os ainda desempregados, 6,2 milhões encontram-se em layoff, isto é, seu contrato de trabalho está suspenso. Trata-se de 3,1 milhões a menos que em julho.

Um dado, contudo, não é tão positivo. O número de pessoas que perderam empregos permanentes cresceu em 534 mil, somando agra 3,4 milhões de americanos. Desde fevereiro, quando a pandemia de coronavírus se agravou, esse contingente já ganhou 2,1 milhões de indivíduos.

Veja o relatório do Bureau de Estatísticas do Trabalho dos EUA.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Márcio Juliboni - 04/09/2020 - 9:56

Cotações Crypto
Pela Web