Falida Voyager Digital recebe aprovação para devolver US$ 270 milhões a clientes

The Block
The Block
05/08/2022 - 12:31
Traduzido e editado por Vitória Martini
The Block
Criptomoedas
O tribunal ainda precisa decidir o que será feito com US$ 1 bi em criptoativos na plataforma de Voyager Digital.(Imagem: Unsplash/Kanchanara)

O tribunal de falências encarregado do pedido de recuperação judicial – “Capítulo 11” da Lei de Falências americana – da credora de criptomoedas Voyager Digital aprovou a devolução de US$ 270 milhões a clientes da empresa.

O juiz Michael Wiles, responsável pelo caso da Voyager Digital no Tribunal de Falências de Nova York, concedeu a aprovação para a empresa devolver os fundos de clientes que mantinha em uma conta no Metropolitan Commercial Bank (MCB). O saldo da conta é, atualmente, de US$ 270 milhões, segundo Wall Street Journal.

Voyager Digital entrou com pedido de recuperação judicial no início de julho após congelar saques de clientes. A credora de criptomoedas citou que a virada repentina nas condições do mercado levaram ao colapso.

A proteção concedida pelo Capítulo 11 permite que uma empresa continue as operações conforme se reestrutura para pagar credores.

Além das mudanças nas condições do mercado cripto, Voyager Digital também levou um calote da Three Arrows Capital, de um empréstimo no valor de US$ 673 milhões em criptomoedas.

Fundo de hedge de criptomoedas Three Arrows Capital
entra com pedido de falência

Plataforma de Voyager Digital ainda tem fundos

Desde então, Voyager buscou honrar saques de clientes para os fundos presentes na conta do Metropolitan Commercial Bank, o qual atua como custodiador de dinheiro para a credora de criptomoedas. O dinheiro de clientes é enviado ao MCB, permitindo a Voyager usar os fundos.

Voyager Digital e MCB têm permissão para liberar o dinheiro na conta de custódia para clientes.

No momento inicial do pedido de recuperação judicial, documentos judiciais mostraram que o valor na conta era de, aproximadamente, US$ 350 milhões. MCB disse ao WSJ que Voyager Digital tinha cerca de US$ 270 milhões na conta quando entrou com o pedido de recuperação judicial.

Embora MCB possa devolver o dinheiro a clientes, o tribunal ainda tem de decidir o que acontecerá com mais de US$ 1 bilhão em criptoativos na plataforma da Voyager Digital.

🏆Money Times é Top 8 em Investimentos!🏆

Se você conta com as notícias do portal para se manter sempre bem-informado sobre tudo o que acontece no mundo dos investimentos, vote e ajude o Money Times a se tornar o melhor site de investimentos do Brasil. Clique aqui e deixe seu voto!

Disclaimer

O Money Times publica matérias informativas, de caráter jornalístico. Essa publicação não constitui uma recomendação de investimento.

theblockcrypto.com © 2020 - The Block Crypto, Inc. All rights reserved. Todos os direitos reservados.

Última atualização por Vitória Martini - 05/08/2022 - 12:31

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado cripto?
Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto