Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Favelado Investidor vai direcionar conteúdos para ajudar a quebrada investir em criptoativos e no exterior

Laura Intrieri
21/01/2022 - 16:36

“Salve quebrada, Murilo aqui na voz!”

É assim que o jovem Murilo Duarte inicia mais um de seus vídeos para o Favelado Investidor, canal de educação financeira no YouTube voltado para pessoas de baixa renda. 

Criada há pouco menos de três anos, a página já acumula quase 8 milhões de visualizações e 340 mil inscritos. São diversos vídeos nos quais Murilo aborda temas relacionados ao mercado financeiro e finanças pessoais em uma linguagem mais acessível e direta. 

Um dos conteúdos de destaque é a carteira pública que o jovem compartilha em uma série de vídeos intitulada “Do zero aos cem mil”.  A carteira recebe aportes mensais de aproximadamente R$1 mil e, dois anos após ser iniciada, conta com mais de R$45 mil investidos. Além disso, segundo Murilo, bateu a rentabilidade do Ibovespa e do dólar.

Perspectivas para a economia

Em conversa com o Money Times, Murilo destaca que percebeu os impactos que a pandemia trouxe para a vida financeira de todos, inclusive do público que o acompanha.

Por isso se mostra relativamente descrente em relação a algumas perspectivas da bolsa brasileira após o Ibovespa ter fechado 2021 em queda de 11,9%.

“Eu sempre explico pro pessoal que que o mercado financeiro tem ciclos, né. É que quando a gente fala no Brasil, é meio difícil a gente falar isso, porque parece que o ciclo sempre é de baixa, sempre de crise”.

“Na visão de muitos dos que eu troco ideia, não tem um um caminho bom para o Brasil. Alguns estão muito descontentes com o governo atual do Bolsonaro, enquanto outros não querem ver o Lula nem pintado de ouro”.

Diversificação de ativos

Em entrevista à Exame Invest em março de 2021, Murilo compartilhou que, em sua carteira pessoal, a porcentagem de criptomoedas era de 10%. Hoje, o número já se aproxima dos 20%, conforme informou ao Money Times. 

O investidor também pontuou que, para 2022, tem planos de produzir mais vídeos em seu canal sobre criptoativos, investimentos no exterior e no Metaverso.

“[Estou] aumentando, também, minha posição no exterior. Eu falo que é importante porque eu vejo muita gente confundindo isso, quando se fala de diversificação, o cara fala o seguinte ‘ah mas eu tenho cinco empresas, Itaú, Bradesco, Banco do Brasil e Banco Inter’. Eu falo, cara, não tem nada diversificado aí. É tudo no mesmo setor. Está tudo aqui no Brasil também. […] Então a gente fala que é diversificação de risco país, muitas pessoas às vezes não se atentam nisso. […] E eu falo pro pessoal, mano, se prepara, porque em 2022 o negócio vai ficar louco. Claro que eu não consigo prever nada, mas não sei se bolsa vai cair cada vez mais, dependendo quem ganhar, se o dólar vai explodir, eu não sei, né?”

Eleições 2022

Murilo não vota e diz que não votará em 2022. Vindo de uma quebrada onde “políticos só apareciam de quatro em quatro anos”, como o mesmo define, o jovem prefere focar em seu desenvolvimento pessoal. 

Em julho de 2021, chegou a ser criticado por setores da internet por posar ao lado do Ministro da Economia Paulo Guedes.

Na ocasião, Murilo foi convidado pela ONG Central Única das Favelas (CUFA) para levar ao Ministro temas como empreendedorismo e educação financeira dentro das comunidades.

“Eu saí de lá com o pensamento: o não eu já tenho, né? Não sei se vai mudar nada, e eu acredito realmente que não vai mudar nada. Espero estar errado.”

Educação financeira

Quando perguntado se falta no Brasil uma cultura de investimentos, Murilo concordou em partes, dizendo estar entre os que acreditam e os que acham que o problema é, realmente, a falta de dinheiro.

“Quantas perguntas eu recebo ‘ah, e se eu pegar um um empréstimo no banco?’ Eu falo, cara, você não é o primeiro que pensou nisso, e nem vai ser o último. E aí eu explico porque a diferença de taxa de juros que você paga e a que você vai ter de retorno dos investimentos não fecham.”

Ao final da conversa, quando questionado se existe algo que gostaria de dizer aos investidores e instituições maiores que não são necessariamente seu público, o Favelado Investidor deixou a seguinte mensagem:

 

 

Última atualização por Laura Intrieri - 21/01/2022 - 16:36

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?
Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto