Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Grupo Soma: Rachel Maia, ex-CEO da Lacoste, é nomeada conselheira

18/12/2020 - 14:01
SOMA3 Roupas Varejo
Rachel Maia, nomeada nova conselheira do Grupo Soma, possui mais de 28 anos de experiência no mercado de luxo (Imagem: Unsplash/@stereophototyp)

O Grupo Soma (SOMA3) informou, em comunicado divulgado ontem, que nomeou uma nova conselheira em substituição à Claudia Jatahy Gonçalves, membro titular do conselho de administração que renunciou ao cargo.

Até a próxima assembleia geral da companhia, Rachel de Oliveira Maia ocupará o lugar deixado pela conselheira renunciante. Rachel Maia possui mais de 28 anos de experiência no mercado de luxo, tendo ocupado o cargo de CEO na Lacoste e na Tiffany. Ela será a primeira mulher negra a preencher uma vaga em conselho no Brasil.

ESG

Poucos meses após concluir seu processo de IPO (oferta pública inicial de ações), realizado em plena pandemia, o Grupo Soma ganhou a atenção dos analistas pela sua posição no mercado.

Na avaliação da XP Investimentos, a dona das marcas Animale e Farm está bem posicionada para consolidar a indústria de vestuário de luxo. A companhia serve de inspiração para marcas menores, e sua posição de liderança em uma indústria fragmentada cria vantagens em transações de fusões e aquisições.

[TOKENS NFT] A nova febre das criptomoedas. Clique aqui e saiba quais tokens NFT podem decolar em 2021.

De acordo com a corretora, existem várias alavancas de crescimento diferentes para a empresa, seja por meio da expansão das lojas físicas, do aumento da operação de atacado ou do avanço da digitalização pouco explorada no segmento de roupas e acessórios.

“Esperamos que o Grupo Soma tenha um poder de barganha cada vez maior com os shoppings, à medida que aumenta sua penetração por meio de diferentes marcas e, consequentemente, deixa de ser ‘apenas uma loja satélite’ para se tornar um ‘grupo âncora’, possibilitando melhores negociações”, afirmaram Danniela Eiger, Thiago Suedt e Marco Nardini, analistas de Varejo da XP, em relatório divulgado na semana passada.

O Grupo Soma também deve desenvolver seus planos ESG, que estão no início ainda.

A XP vê com bons olhos as iniciativas destacadas pela varejista no último relatório de resultados.

Como a C&A (CEAB3), o Grupo Soma está acelerando a economia circular, promovendo a reutilização das peças e a venda de segunda mão. A companhia também mostra maior preocupação com o tipo de matéria-prima que usa, buscando incorporar na produção insumos menos danosos ao meio ambiente, e pretende neutralizar as emissões de carbono até 2050.

O quadro de funcionários do grupo chama a atenção. 75% dos colaboradores são mulheres. Dessa parcela, 75% ocupam cargos de liderança.

No Grupo Soma, 40% dos funcionários se declaram pretos ou pardos e quase toda a força de trabalho se sente bem tratada, independentemente da orientação sexual.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Diana Cheng - 18/12/2020 - 14:01

Pela Web