Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Homem mais rico do mundo está no Brasil e deve visitar Bolsonaro; quem é Elon Musk

Gabriela Mackert Occhipinti
25/04/2022 - 18:06
Elon Musk reuters
Saiba um pouco da história de Elon Musk o novo dono do Twitter (Imagem: Reuters/Mike Blake/File Photo)

Você pode não saber quem ele é, mas, provavelmente, já ouviu falar dele. Impossível de ser ignorado, tanto nas redes sociais quanto pelo mercado financeiro, Elon Musk confirmou, no final de abril, a compra do Twitter (TWTR).

Já, no começo de maio, o homem mais rico do mundo suspendeu a oferta para a aquisição da empresa após descobrir que a rede social tinha mais contas falsas e bots do que o que foi informado anteriormente.

Musk é dono da empresa de exploração espacial  SpaceX e da fabricante de carros elétricos Tesla (TSLA).

Além disso, ele está de visita ao Brasil para discutir, nesta sexta-feira (20), com o governo de Jair Bolsonaro a conectividade e proteção da Amazônia, como informou o ministro das Comunicações, Fábio Faria, em sua conta na rede do passarinho azul.

Em 2021, foi eleito a “Personalidade do Ano” pela revista norte-americana Time. Durante uma aparição no programa dos EUA “Saturday Night Live”, Musk revelou que tem Síndrome de Asperger, um tipo de autismo leve.

O excêntrico bilionário é filho de um sul-africano e de uma canadense e nasceu em Pretória, na África do Sul. Ele se mudou para o Canadá em 1989 aos 17 anos. Hoje, aos 50 anos, vive nos EUA.

Começou a faculdade na Queen’s University em Ontário, no Canadá, mas no meio da graduação se mudou para a Universidade da Pensilvânia, nos Estados Unidos. Ele é bacharel em física e economia e se naturalizou norte-americano, além de ter a cidadania canadense.

Elon Musk o empresário

Em 1995, criou com seu irmão Kimbal Musk e com o amigo Greg Kouri seu primeiro empreendimento: a Zip2, uma empresa que oferecia um diretório para encontrar empresas on-line. A companhia foi vendida em 1999 para Compaq.

Logo após, Musk fundou a X.com, uma empresa de serviços financeiros on-line e de e-mail. Um ano depois de criada, a companhia se fundiu com a Confinity, que tinha um serviço de transferência de dinheiro chamado PayPal que intitulou o negócio. Em 2002, a eBay adquiriu a PayPal por US$ 1,5 bilhão em ações.

Em maio de 2002, o hoje bilionário fundou a sua empresa mais ambiciosa: a SpaceX. O primeiro lançamento de um foguete da companhia só aconteceu em 2008, mas neste ano ela lançamento de 4 civis à órbita da Terra, algo que até então só tinha recebido astronautas profissionais.

Em 2003 fundou a fabricante de carros elétricos Tesla, que atualmente é avaliada em mais de US$ 1 trilhão, segundo o g1.

Além disso, ele diversifica seus empreendimentos sendo dono da Hyperloop, um sistema semelhante a um trem-bala que depende de um túnel modificado para atingir altas velocidades, e da Neuralink, uma startup de neurociência que quer “conectar nossos cérebros a computadores”.

Musk já chegou no metaverso?

Elon Musk é um entusiasta do bitcoin e de outras criptomoedas. A criptomoeda/meme Dogecoin alcançou sucesso depois o bilionário fez diversas postagens falando sobre ela.

Atualmente querendo adquirir o Twitter, ele já usou seu perfil na rede social para saber o que fazer com as suas ações na Tesla. No início de dezembro do ano passado, ele escreveu que venderia 10% de suas ações caso os usuários da plataforma aprovassem a mudança. Dos 3,5 milhões de votos, 57,9% apoiaram a venda das ações.

X Æ A-Xii: O lado família de Musk

Quando lembrado como excêntrico algo que vem a mente é o nome do seu filho. O empresário nomeou de X Æ A-Xii Musk, seu filho com cantora canadense Grimes nascido em 2020.

Em março, a cantora revelou, para a revista Vanity Fair, que eles tiveram um segundo filho juntos: Exa Dark Sideræl Musk que é chamada de “Y” pela família e nasceu por meio de uma barriga de aluguel.

O bilionário também tem outros cinco filhos com a escritora canadense Justine Musk: os gêmeos Griffin and Xavier, nascidos em 2004; e os trigêmeos Damian, Saxon e Kai, nascidos em 2006.

Musk legalize

Em setembro de 2018, Musk acrescentou mais uma polêmica ao seu currículo ao fumar um cigarro de maconha durante entrevista ao podcast do também polêmico Joe Rogan.

Na época, a maconha já era legalizada na Califórnia, onde o programa foi gravado, mas mesmo assim a repercussão foi negativa. As ações da Tesla caíram no dia seguinte e dois executivos de alto escalão saíram da companhia.

Recentemente, Musk mostrou que esse episódio não provou uma mudança no seu comportamento ao, logo após ser noticiado como acionista majoritário do Twitter, publicar a imagem desse episódio fumando maconha com o texto: “A próxima reunião do conselho de administração do Twitter vai ser iluminada”. Mesmo fora do conselho, a publicação movimento as redes na época.

 

*Com informações do g1

Receba as newsletters do Money Times!

Cadastre-se nas nossas newsletters e esteja sempre bem informado com as notícias que enriquecem seu dia! O Money Times traz 8 curadorias que abrangem os principais temas do mercado. Faça agora seu cadastro e receba as informações diretamente no seu e-mail. É de graça!

Última atualização por Gabriela Mackert Occhipinti - 20/05/2022 - 9:44

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?
Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto