Sobe-e-desce da Bolsa

Altas e baixas do Ibovespa: Casas Bahia (BHIA3) dispara, enquanto Magazine Luiza (MGLU3) despenca; veja destaques

14 nov 2023, 13:12 - atualizado em 14 nov 2023, 13:12
Magazine Luiza
Casas Bahia avança na contramão de Magazine Luiza (Imagem: REUTERS/Paulo Whitaker)

Ibovespa (IBOV) dispara nesta terça-feira (14), após a divulgação Índice de Preços ao Consumidor (CPI, na sigla em inglês) de outubro, que avançou 0,02%, contra previsão de ganho de 0,03%.

Por volta de 13h05, o principal índice da Bolsa brasileira subia 2,22%, aos 123 mil pontos. No mesmo horário e em dia de altas expressivas, Localiza (RENT3) disparava 8,12% após marcar alta de 57% no lucro líquido do terceiro trimestre de 2023, a R$ 664,7 milhões.

CSN Mineração (CMIN3) tinha ganhos de 6,63% após comunicar a distribuição de R$ 1,364 bilhão em dividendos intercalares. A empresa apresentou lucro de R$ 1,2 bilhão entre julho e setembro de 2023.

CSN (CSNA3) disparava 6,49%, após anunciar o pagamento de R$ 985 milhões em dividendos intermediários e ter marcado lucro de R$ 91 milhões.

Eneva (ENEV3), que também divulgou balanço, subia 6,30%. A companhia alcançou R$ 903,1 milhões no período, marcando alta de 51,1% no ano.

  • A queridinha está de volta ao jogo? Magazine Luiza volta ao lucro no 3º trimestre, mas será que já é hora de ficar animado? Confira o que fazer com as ações da varejista no Giro do Mercado desta terça-feira (14), é só clicar aqui

Baixas do Ibovespa

Enquanto Casas Bahia (BHIA3) disparava 6%, Magazine Luiza (MGLU3) despencava 5,78% e liderava baixas, após reportar prejuízo ajustado de R$ 143 milhões no 3T23.

Além disso, conforme apurou o Pipeline, do Valor Investimentos, a família Trajano conversa com bancos e investidores sobre potencial capitalização da varejista.

Suzano (SUZB3) e Klabin (KLBN11) também dividiam a ponta negativa, em queda de 2,79% e 0,04%, respectivamente. As maiores baixas só contavam com estes destaques.

*Com Reuters

Estagiária
Graduanda em jornalismo pela Universidade Estácio de Sá. Tem experiência cobrindo mercados, ações, investimentos, finanças, negócios, empreendedorismo, franquias, cultura e entretenimento. Ingressou no Money Times em 2021.
Linkedin
Graduanda em jornalismo pela Universidade Estácio de Sá. Tem experiência cobrindo mercados, ações, investimentos, finanças, negócios, empreendedorismo, franquias, cultura e entretenimento. Ingressou no Money Times em 2021.
Linkedin
Giro da Semana

Receba as principais notícias e recomendações de investimento diretamente no seu e-mail. Tudo 100% gratuito. Inscreva-se no botão abaixo:

*Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.