Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

IRB não se abala com opinião da gestora Squadra e nova gestão foca na “ordem”

26/08/2020 - 9:52
A reasseguradora explicou que não cabe a ela fazer juízo de valor sobre a posição”short” da Squadra (Imagem: Reprodução/YouTube IRB Brasil)

O IRB Brasil RE (IRBR3) rebateu um reportagem veiculada nesta segunda-feira (24) no jornal Valor Econômico, em que a gestora de recursos Squadra reafirmava sua posição vendida na reasseguradora.

O episódio reacende a implosão de quase R$ 2 bilhões do IRB na Bolsa no início de julho, seguindo a disputa iniciada em fevereiro.

A reasseguradora explicou que não cabe a ela fazer juízo de valor sobre a posição “short” da Squadra e é decisão individual da gestora divulgar sua opinião.

Em linha com as diretrizes apresentadas pela nova administração da companhia, a equipe revisou os dados reportados nas demonstrações financeiras, além de quaisquer irregularidades. A preocupação tem sido com transparência da governança corporativa da reasseguradora.

A matéria cita, ainda, que a Squadra “sinaliza esperar que o IRB faça novos ajustes em seus resultados nas próximas divulgações”. Em relação a essa afirmação, a companhia informa que não possui, atualmente, o conhecimento de fato ou mesmo indício de que haja outras manipulações contábeis ou fraudes, além daquelas já divulgadas.

Veja o comunicado do IRB Brasil RE:

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Lucas Simões - 26/08/2020 - 18:17