Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Monero e Tari Labs lançarão guia para listagem de criptomoedas com foco em privacidade

03/08/2020 - 13:49
Monero e Tari Labs desejam esclarecer alguns aspectos de privacidade que fazem com que corretoras cripto estejam relutantes a listar criptomoedas de privacidade (Imagem: Crypto Times)

Desenvolvedores da criptomoeda de privacidade monero (XMR) e do protocolo de privacidade Tari Labs estão se preparando para lançar um guia, na forma de um whitepaper, para que corretoras entendam como podem listar monero enquanto cumprem com regulamentações, segundo o site Decrypt.

Monero é uma criptomoeda de privacidade que evita que qualquer um analise transações em seu blockchain. Porém, embora seja boa para quem a usa, é difícil de rastrear o que acontece no blockchain, principalmente se for por um requisito legal.

A corretora Coinbase é interessada em listar monero, mas seu CEO, Brian Armstrong, afirmou que estão preocupados demais por conta de reguladores.

Isso fez com que outras criptomoedas de privacidade tenham lenta adesão. Porém, se esse novo guia for bem-sucedido, pode mudar completamente a história.

“Acreditamos que o whitepaper será a análise mais ampla e autoritária de tokens de privacidade e questões relacionadas a antilavagem de dinheiro até hoje e estamos muito orgulhosos de nosso envolvimento nessa grande iniciativa”, disse Louis Willacy, conselheiro geral de compliance e regulamentação no Tari Labs.

O whitepaper é intitulado “Os Aspectos Fundamentais e a Regulamentação de Criptomoedas com Recursos de Privacidade” e será publicado pelo escritório de advocacia Perkins Coie.

O documento reconhecerá que existem maiores riscos relacionados a moedas de privacidade, mas que estes podem ser solucionados com ferramentas melhoradas de compliance.

Será que esse whitepaper ajudará a monero a ser listada novamente em corretoras como a Bithumb e Huobi Korea?

Novo! Receba Grátis a Newsletter
Crypto Times
Uma newsletter que minera informação para você!

Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Daniela Pereira do Nascimento - 03/08/2020 - 13:49