Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Money Insider: as 12 análises que você deveria ter lido

24/10/2017 - 1:50

Este é o Money Insider com as principais análises publicadas hoje no Money Times:

1 – Para onde vai o Banrisul (e sua ação)? – Ser uma empresa estatal neste ano de 2017 é um convite à privatização. O Banrisul (BRSR6), claro, não foi exceção para esta regra. A ideia, contudo, não deve superar às pressões políticas no estado, que vê a empresa como um valor do povo gaúcho que não pode ser retirada de suas mãos neste momento. O rumo, conforme notou o BTG Pactual em um encontro com a administração da instituição financeira, é mesmo o de vender as ações em excesso ao mínimo para que o governo estadual continue com o controle. Leia mais

2 – Guide Investimentos aposta em ações da Weg e Vale – A equipe de análise da Guide Investimentos optou por dar espaço aos papéis da Weg (WEGE3) e Vale (VALE3) em sua carteira recomendada semanal no lugar das ações da Gol (GOLL4) e Gerdau (GGBR4), mostra um relatório enviado a clientes. Leia mais

3 – Braskem pode seguir passos da Vale e liberar valor ao acionista – O Santander avalia que um novo acordo de acionistas da Braskem (BRKM5) pode ajudar a destravar valor em suas ações, avalia o banco em um relatório enviado a clientes e assinado por Gustavo Allevato. Leia mais

4 – Goldman Sachs reinicia análise de Vale, Bradespar, Gerdau, Usiminas, Suzano, Klabin e Fibria – O Goldman Sachs publicou neste domingo (22) um extenso relatório de 46 páginas em que reinicia a cobertura das ações do setor siderúrgico, mineração e papel & celulose na América Latina, com grande destaque para o Brasil. Leia mais

5 – Aumento da celulose em novembro será o último “fácil”, avalia Citi – O aumento de US$ 30 por tonelada a ser implementada pela Fibria (SUZB3) para todas as regiões a partir de 1º de novembro deve ser o último considerado mais fácil antes de um período em que as negociações da celulose tendem a se tornar mais difíceis, argumenta o Citi em um relatório enviado a clientes e assinado por Juan Tavarez. Leia mais

6 – Seca pode afetar ações de 3 empresas do setor elétrico, avalia Santander – O Santander avalia que o elevado risco de racionamento pode afetar as ações das empresas do setor elétrico, indica o banco em um relatório enviado a clientes nesta segunda-feira e assinado pela analista Carolina Carneiro. Leia mais

7 – XP Investimentos troca 4 ações em carteira semanal –  A XP Investimentos anunciou a troca de quatro ações em sua carteira recomendada semanal, mostra um relatório enviado a clientes nesta segunda-feira. Os papéis da Klabin (KLBN11) foram os únicos mantidos no portfólio. Leia mais

8 – Prévias dos resultados: BTG elege a ação preferida no setor de saúde – Assim como não sofreu tanto na piora da crise, em reflexo do perfil defensivo, o setor de saúde também não assumirá a dianteira da retomada na economia. A equipe do BTG Pactual espera poucas emoções dos resultados dessa indústria no terceiro trimestre: “nada para comemorar ou reclamar muito”. Leia mais

9 – Itaú BBA aposta em nova ação para sua carteira Top 5 –  O Itaú BBA trocou as ações da Petrobras (PETR4) pelos papéis da Cosan (CSAN3) em sua carteira Top 5, mostra um relatório enviado a clientes pelo banco na última sexta-feira e assinado pela equipe de estratégia composta por Lucas Tambellini, Fábio Perina, Tiago Binsfeld e Eduardo Marzbanian. Leia mais

10 – Juro menor irá afetar resultado financeiro de seguradoras, prevê Bradesco O declínio das taxas de juros deve prejudicar os resultados financeiros das seguradoras, segundo análise prévia da equipe do Bradesco BBI sobre a temporada de balanços do terceiro trimestre. As exceções serão IRB (IRBR3) e Wiz(WIZS3), justamente as preferidas do setor pelos analistas do banco. Leia mais

11 – UBS quase dobra estimativas para ações da Gol – O UBS elevou o preço-alvo para as ações da Gol (GOLL4) de R$ 9 para R$ 17,50 e manteve a recomendação em neutra, mostra um relatório enviado a clientes na última sexta-feira (19). O valor corresponde a um potencial de valorização de aproximadamente 16,6%. Os papéis já subiram 230% em 2017. Leia mais

12 – HSBC revisa estimativas para 6 ações de varejistas –  O HSBC revisou as estimativas para 6 ações do setor varejista, mostra um relatório enviado a clientes. A Hering (HGTX3) foi elevada de “reduzir” para compra, com o preço-alvo subindo de R$ 14 para 34,50. Leia mais

Chegou a nova newsletter Comprar ou Vender

As melhores dicas de investimentos, todos os dias, em seu e-mail!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Leia mais sobre:

Última atualização por Money Times - 30/09/2019 - 11:34

Cotações Crypto
Pela Web