MoneyGram permitirá pagamentos com USDC por meio do blockchain Stellar

The Block
The Block
07/10/2021 - 9:20
Traduzido e editado por Vitória Martini
The Block
MoneyGram Stellar Development Foundation
MoneyGram escolheu a stablecoin U.S. Dollar Coin (USDC) para compensar pagamentos e convertê-los à moeda local do usuário (Imagem: Crypto Times)

A empresa de transferência monetária MoneyGram firmou uma parceria com a Stellar Development Foundation para permitir pagamentos com cripto em moedas locais para usuários, segundo um comunicado feito nessa quarta-feira (6).

No acordo, MoneyGram escolheu a stablecoin U.S. Dollar Coin (USDC) para compensar pagamentos e convertê-los à moeda local do usuário.

A rede da MoneyGram será integrada ao blockchain Stellar para compensar as transações em USDC, e o United Texas Bank atuará como o banco de compensações entre a Circle – operadora da USDC – e a MoneyGram.

Alex Holmes, presidente e CEO da MoneyGram, afirmou que a empresa está especialmente otimista com stablecoins, visto que essas possibilitam pagamentos e compensações internacionais.

“Visto que criptomoedas e moedas digitais estão crescendo em importância, estamos especialmente otimistas com o potencial das stablecoins como um método de modernizar pagamentos internacionais”, disse ele no comunicado feito ontem.

Anteriormente, MoneyGram tinha uma parceria com a protocolo Ripple (XRP).

No entanto, o acordo foi encerrado em março deste ano, pois a Ripple continuou em sua disputa com a Comissão de Valores Mobiliários e de Câmbio (SEC, na sigla em inglês) quanto ao token XRP ser ou não um valor mobiliário não registrado.

Apesar da promessa das stablecoins no setor de pagamentos internacionais, reguladoras americanas pretendem analisar novamente os tokens lastreados em dólar.

A Circle continua enfrentando uma investigação da Divisão de Fiscalização da SEC, e o presidente da Comissão, Gary Gensler, comparou recentemente as stablecoins a “fichas de pôquer” em “cassinos” do Velho Oeste cripto.

Além disso, Michael Hsu, Controlador da Moeda, disse pensar sobre as emissoras de stablecoins por meio das lentes da Era de “wildcat banking” dos Estados Unidos.

A expressão “wildcat banking” faz referência à indústria bancária em certas partes dos Estados Unidos, entre 1837 e 1865, em que bancos estavam localizados em lugares remotos e inacessíveis.

Os “wildcat banks” eram regulamentados somente a nível estadual, sem qualquer registro em agências federais, o que permitia que cada banco emitisse sua própria moeda.

O uso das stablecoins é uma continuação da navegação da MoneyGram em serviços cripto. A empresa começou a aceitar bitcoin (BTC) em suas lojas em maio deste ano, após firmar uma parceria com a corretora cripto Coinme.

theblockcrypto.com © 2020 - The Block Crypto, Inc. All rights reserved. Todos os direitos reservados.

Última atualização por Vitória Martini - 07/10/2021 - 9:22

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado cripto?
Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto
Pela Web