BusinessTimes

Morte de Abilio Diniz: Veja como ficam cargos do empresário no Carrefour (CFRB3)

19 fev 2024, 11:38 - atualizado em 19 fev 2024, 11:38
Abilio Diniz
Cargos ocupados por Abilio Diniz no Carrefour ficarão momentaneamente vagos (Imagem: REUTERS/Paulo Whitaker)

Abilio Diniz, empresário ex-dono do Pão de Açúcar (PCAR3) e acionista do Carrefour (CFRB3), morreu neste domingo (18), no Hospital Albert Einstein, onde estava internado há cerca de um mês.

Diniz ocupava os cargos de vice-presidente do conselho de administração da Carrefour e presidente do comitê de talentos, cultura e integração. De acordo com comunicado da companhia, as posições ficarão vagas momentaneamente, até posterior deliberação pelo conselho.

Questionado sobre planos de sucessão, em 10 de janeiro deste ano, por jornalistas da CNN Brasil, Abilio respondeu que “nunca me preocupei com o legado, eu gosto do aqui e agora”.

Morte de Abilio Diniz

Abilio faleceu de insuficiência respiratória causada por uma pneumonite. Segundo notícias da imprensa, em janeiro, o empresário se sentiu mal durante uma viagem a Aspen, nos Estados Unidos, e precisou ser transportado ao Brasil numa UTI aérea.

“É com extremo pesar que a família Diniz informa o falecimento de Abilio Diniz aos 87 anos neste domingo, 18 de fevereiro de 2024, vítima de insuficiência respiratória em função de uma pneumonite. O empresário deixa cinco filhos, esposa, netos e bisnetos, e irá ao encontro do seu filho João Paulo, falecido em 2022. Desde já, a família agradece a todas as mensagens de apoio e carinho”, diz a nota divulgada à imprensa.

O velório será aberto ao público nesta segunda-feira (19), das 11h às 15h, no Salão Nobre do Estádio do Morumbi, do São Paulo Futebol Clube. Já o enterro será reservado aos familiares.

Confira o comunicado do Carrefour na íntegra:

Repórter
Formada em jornalismo pela Universidade Nove de Julho. Foi redatora na área de marketing digital por 2 anos e ingressou no Money Times em 2022.
Linkedin
Formada em jornalismo pela Universidade Nove de Julho. Foi redatora na área de marketing digital por 2 anos e ingressou no Money Times em 2022.
Linkedin