Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Oi queima R$ 197 milhões de caixa em agosto; consumo no ano soma R$ 2,9 bilhões

16/10/2020 - 15:05
Oi Empresas Telefonia
Em trânsito: Oi está se transformando numa prestadora de serviços de infraestrutura de TI (Imagem: Gustavo Kahil/Money Times)

A Oi (OIBR3) reportou uma redução líquida de R$ 197 milhões no caixa operacional. Com isso, a operadora acumula uma queima líquida de R$ 2,9 bilhões no caixa operacional neste ano. Julho foi o único mês em que houve saldo positivo, com R$ 8 milhões.

Segundo o escritório de advocacia Arnoldo Wald, administrador judicial da Oi, em agosto, as receitas recebidas pela operadora somaram R$ 2,159 bilhões, sinalizando um acréscimo de R$ 102 milhões sobre o mês retrasado.

Os pagamentos, contudo, cresceram em ritmo maior, R$ 300 milhões, e alcançaram R$ 1,829 bilhão. Os investimentos completam os desembolsos, contribuindo com R$ 528 milhões.

Reforço de caixa

Apesar dos sucessivos saldos negativos, a Oi ainda conta com R$ 5,4 bilhões em caixa. O dinheiro veio, sobretudo, de duas fontes. A primeira foi o aumento de capital realizado em janeiro de 2019 e que reforçou seu caixa com R$ 4 bilhões.

A segunda foi a venda de sua fatia na operadora angolana de telecomunicações Unitel, em janeiro deste ano. O negócio foi fechado por US$ 1 bilhão.

Agora, a Oi se prepara para outro passo crucial – a venda da operação de telefonia móvel, prevista ainda para este ano. Por ora, o consórcio formado pelas rivais TIM Participações (TIMS3), Claro e Vivo (VIVT4) detém a preferência da Oi, com uma oferta de R$ 16,5 bilhões, além do compromisso de contratar os serviços de fibra óptica da nova Oi.

Veja o relatório da Arnoldo Wald sobre as finanças da Oi.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Renan Dantas - 16/10/2020 - 15:59