Companhias Aéreas

Passagem aérea de R$ 200 começa a ser vendida em agosto; confira quem recebe o desconto

13 jun 2023, 9:27 - atualizado em 13 jun 2023, 9:27
Companhias aéreas, Ibovespa, Azul, Magazine Luiza, Avião
Passagem aérea mais acessível é um dos projetos do atual governo. (Imagem: Pixabay/andychoinski)

O programa “Voa Brasil”, projeto do governo para vender passagem aérea por R$ 200 terá início em agosto deste ano. O programa foi anunciado em 13 de março, pelo ministro dos Portos e Aeroportos, Marcio França.

O primeiro grupo selecionado para iniciar o projeto-piloto são os aposentados, que recebem até dois salários mínimos. Com isso, a ideia do ministério é que os sites de vendas de passagens aéreas desenvolvam uma área destinada a esse público.

As passagens com preço promocional serão vendidas em datas e horários com menor procura. Além dos aposentados, o programa irá atender a pensionistas, estudantes e pessoas de baixa renda.

  • CONHEÇA A LIVE GIRO DO MERCADO: De segunda a sexta às 12h, estamos AO VIVO no canal do YouTube do Money Times, trazendo as notícias mais quentes do dia e insights valiosos para seus investimentos. Esperamos você!

Companhias aéreas

Companhias aéreas enxergam com bons olhos a possibilidade. Procurada pelo Money Times, a Gol afirmou que está sempre à disposição para contribuir com o governo na viabilização de um projeto que amplie ainda mais o acesso da população ao transporte aéreo.

Sendo assim, disse ainda que participará com a Associação Brasileira de Empresas Aéreas (Abear) e Secretaria de Aviação Civil de um grupo de trabalho para aprofundar o tema nos próximos meses.

“O setor aéreo está se recuperando da maior crise da história e políticas públicas que tenham como objetivo o crescimento e o desenvolvimento do turismo são muito bem-vindas”, disse a companhia.

Em linha, a Azul comentou que vê com como positiva a iniciativa apresentada para incentivar o acesso de mais brasileiros ao transporte aéreo. “A companhia já está participando do grupo de trabalho do Ministério de Portos e Aeroportos e colaborando com o desenvolvimento do projeto”, afirmou.

Latam afirmou querer “que mais pessoas viajem de avião no Brasil. Por isso, está à disposição para analisar, propor e viabilizar iniciativas que continuem ampliando o acesso da população ao transporte aéreo”.

*Com Lorena Matos

Estagiária
Estudante de jornalismo. Foi redatora durante um ano, trabalhando com hard news. Escreve sobre tecnologia, economia, política e empresas.
Estudante de jornalismo. Foi redatora durante um ano, trabalhando com hard news. Escreve sobre tecnologia, economia, política e empresas.