AgroTimes

Plano Safra 24/25: A uma semana do lançamento, relembre recursos, juros e linhas do ano passado

24 jun 2024, 13:41 - atualizado em 25 jun 2024, 12:47
plano safra juros
O Ministério da Agricultura sugere R$ 452,3 bilhões para o financiamento de médios e grandes produtores no novo Plano Safra  (Imagem: Jaelson Lucas/Agência de Notícias do Paraná)

Na próxima quarta-feira (3), o Governo Federal dá o pontapé inicial na divulgação do novo Plano Safra 2024/2025, que permite o financiamento da atividade agrícola na nova temporada.

O lançamento, que estava previsto para amanhã (26), foi adiado em função de agenda, segundo o R7. O adiamento ocorre após informação do Broadcast Agro de que o presidente Lula estuda R$ 630 bilhões ao programa, com R$ 550 bilhões ao setor empresarial e R$ 80 bilhões para agricultura familiar. No entanto, o presidente parece esbarrar no orçamento.

No ano passado, foram anunciados R$ 364 bilhões para o setor empresarial, incremento de 27% contra 22/23.

  • É hora de investir nesta “gigante” do agro, diz analista. Companhia está descontada e faz parte da carteira de “top picks” da analista Larissa Quaresma, da Empiricus Research. Clique aqui e confira o nome da ação.

Os recursos são destinados ao crédito rural, abrangendo produtores enquadrados no Programa Nacional de Apoio ao Médio Produtor Rural (Pronamp) e demais produtores.

O Ministério da Agricultura sugere R$ 452,3 bilhões para o financiamento de médios e grandes produtores na nova safra.

Plano Safra empresarial 23/24 22/23 Variação
Custeio e comercialização R$ 272,12 bilhões R$ 215,27 bilhões 26,0%
Investimentos R$ 92,10 bilhões 71,86 bilhões 28,0%
Volume total R$ 364,22 bilhões R$ 287,16 bilhões 26,8%
Pronamp R$ 43,75 bilhões R$ 61,14 bilhões 39,70%
Demais produtores e cooperativas R$ 243,41 bilhões R$ 303,08 bilhões 24,50%
Juros controlados R$ 98,23 bilhões R$ 125,28 bilhões 27,50%
Juros livres R$ 145,18 bilhões R$ 177,80 bilhões 22,00%
Total Plano Safra R$ 287,16 bilhões R$ 364,22 bilhões 26,80%
Plano Safra Recursos programados (R$ bilhões) Limite de créd./beneficiário Prazo máx (anos) Carência máx (Anos) Taxa de juros de até (% a.a)
Moderfrota 9,49 85% 7 14 meses 12,5
Moderfrota Pronamp 2,37 100% 7 14 meses 10,5
Moderagro 2,85 R$ 880 mil/2,64 milhões 10 2 10,5
Proirriga 2,37 R$ 3,3/ 9,9 milhões 10 2 10,5
RenovAgro Demais 4,75 R$ 5 milhões 12 8 8,5
RenovAgro Ambiental 0,28 R$ 5 milhões 12 8 7
RenovAgro Recuperação/Conversão 1,9 R$ 5 milhões 12 8 7
PCA 3,8 R$ 25/ 50 milhões * 12 2 8,5
PCA até 6 mil toneladas 2,85 R$ 50 milhões 12 2 7
Inovagro 3,8 R$ 1,3/3,9 milhões 10 2 10,5
Prodecoop 1,9 R$ 150 milhões 10 2 11,5
Procap Agro (Giro) 0,95 R$ 65 milhões 2 6 meses 11,5
Pronamp (inclusive 6-2) 9,27 R$ 600 mil 8 3 8
Investimento empresarial 2,37 R$ 1 milhão 12 3 10,5
Juros controlados não equalizados (exclusive Pronamp 12,15 Diversos Diversos Diversos Diversos
Juros livres 31 Negociação Livre Livre Livre
Total 92,1

 

Já para agricultura familiar foram divulgados R$ 71,6 bilhões ao crédito rural do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), 34% maior que 23/24 e maior volume da história. Somados os dois programas, foram anunciados um total de R$ 435 milhões para o programa.

Dados gerais do Plano Safra da Agricultura Familiar 2023/2024 Recursos
Pronaf R$ 71,6 bilhões
Proagro Mais R$ 1,9 bilhões
Garantia Safra R$ 960 milhões
PGPM-bio R$ 50 milhões
Assistência Técnica e Extensão Rural R$ 200 milhões
Compras Públicas (PAA/MDS e PNAE/FNDE) R$ 3 bilhões
Total 77,7 bilhões

O que é o Plano Safra?

O Plano Safra é um programa do Governo Federal para geração de recursos destinados ao financiamento da nova safra agrícola no Brasil.

No ano passado, o lançamento do programa foi realizado em dois dias, com o primeiro abrangendo produtores enquadrados no Programa Nacional de Apoio ao Médio Produtor Rural (Pronamp), e o dia seguinte dedicado ao Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf).

Em entrevista à CNN Brasil, o ministro da Agricultura disse negociar com o ministério da Fazenda, liderado por Fernando Haddad, mais de R$ 500 bilhões ao novo programa.

Além disso, Fávaro ressaltou que os valores destinados ao Programa de Subvenção ao Prêmio do Seguro Rural (PSR) devem dobrar ou triplicar, demanda muito cobrada pelo setor após as enchentes e chuvas que atingiram o Rio Grande do Sul.

Repórter
Formado em Jornalismo pela Universidade São Judas Tadeu. Atua como repórter no Money Times desde março de 2023. Antes disso, trabalhou por pouco mais de 3 anos no Canal Rural, onde atuou como editor do Rural Notícias, programa de TV diário dedicado à cobertura do agronegócio. Por lá, também participou da produção e reportagem do Projeto Soja Brasil e do Agro em Campo.
Linkedin
Formado em Jornalismo pela Universidade São Judas Tadeu. Atua como repórter no Money Times desde março de 2023. Antes disso, trabalhou por pouco mais de 3 anos no Canal Rural, onde atuou como editor do Rural Notícias, programa de TV diário dedicado à cobertura do agronegócio. Por lá, também participou da produção e reportagem do Projeto Soja Brasil e do Agro em Campo.
Linkedin
Giro da Semana

Receba as principais notícias e recomendações de investimento diretamente no seu e-mail. Tudo 100% gratuito. Inscreva-se no botão abaixo:

*Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.