Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Porto Seguro (PSSA3): UBS corta preço-alvo em 24%

Iasmin Rao Paiva
17/01/2022 - 10:41
Porto Seguro
O novo preço ainda representa uma alta de 13,64% em relação ao fechamento das ações no último pregão (Imagem: Reprodução/ Youtube da Porto Seguro)

O banco UBS BB cortou o preço-alvo das ações da Porto Seguro (PSSA3) em 24,14%, a R$ 22 frente o valor anterior de R$ 29.

A nova estimativa inda representa uma alta de 13,64% em relação ao fechamento das ações no último pregão. Apesar da mudança na expectativa de preço do papel, o banco manteve a recomendação como neutra para a empresa. 

O posicionamento dos especialistas foi baseado nas apólices mais altas para automóveis, principalmente devido a reajustes de preços; no pior índice de sinistralidade, refletindo aumento da inflação; e nas mudanças nos resultados financeiros, devido a maiores taxas de juros e volatilidade da carteira de ações.

A Porto ainda é o maior player do segmento de seguro de automóveis, com 44% de market share e uma taxa de retenção bastante elevada, já que 91% dos consumidores esperam renovar o seu seguro automóvel com a empresa.

Contudo, o cenário do setor no curto prazo é bastante incerto, bastante influenciado pelo retorno às atividades presenciais e preocupações com a Covid-19, diz o banco.

Os dados da 8° pesquisa do UBS Evidence Lab, com 1,2 mil consumidores de seguros de automóveis, sugerem uma perspectiva ainda desafiadora para o crescimento da frota no curto prazo.

Segundo os analistas do UBS, “a demanda por automóveis aumentou, no entanto, o sentimento é mais negativo com 57% acham que agora é um momento ruim/muito ruim para comprar um carro”. 

Além disso, o efeito de usar menos o carro para 14% dos entrevistados deve ser compensado por mais pessoas usando carros, pois 39% planejam usá-lo com mais frequência para evitar outros meios de transporte, “o que pode levar a um índice de sinistralidade maior”.

Disclaimer

O Money Times publica matérias de cunho jornalístico, que visam a democratização da informação. Nossas publicações devem ser compreendidas como boletins anunciadores e divulgadores, e não como uma recomendação de investimento.

Última atualização por Kaype Abreu - 17/01/2022 - 10:41

Chegou a nova newsletter Comprar ou Vender
As melhores dicas de investimentos, todos os dias, em seu e-mail. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto