Putin indica possível abertura da Rússia a cripto para reduzir dependência do dólar

The Block
The Block
14/10/2021 - 17:18
Traduzido e editado por Vitória Martini
The Block
Vladimir Putin
Vladimir Putin mencionou a possibilidade de, eventualmente, mudar os contratos ligados ao petróleo, feitos em dólar, para outras moedas, incluindo as criptomoedas (Imagem: Sergei Ilnitsky/Pool via Reuters)

O presidente russo Vladimir Putin está demonstrando publicamente maior abertura para o papel de cripto no futuro do país, especialmente nos mercados internacionais de energia, dos quais a Rússia depende economicamente.

Em uma entrevista a Hadley Gamble, da CNBC, para a Semana da Energia da Rússia, Putin mencionou a possibilidade de, eventualmente, mudar os contratos ligados ao petróleo, feitos em dólar, para outras moedas, incluindo as criptomoedas.

“Criptomoeda, é claro, pode ser uma unidade [a ser usada], mas não é estável. Para transferir dinheiro de um lugar para o outro – mesmo negociar, ainda mais negociar fontes de energia – é algo ainda prematuro, na minha opinião.”

Com relação especificamente a cripto na negociação de petróleo, o presidente russo reiterou: “Para mim, parece um pouco cedo para falar sobre isso.”

Apesar de não ser uma grande afirmação sobre criptomoedas, nem uma promessa de ação futura, esse ainda é um sinal notável da figura mais poderosa da Rússia. O próprio Putin e o regime sobre o qual ele exerce amplo controle nunca foram, no passado, tão específicos sobre um caso de uso sério para cripto.

A lei russa atualmente permite a negociação de criptomoedas, mas, desde 2020, o país baniu o uso de cripto como meio de pagamento no país. Internacionalmente, no entanto, a Rússia tem demonstrado interesse em alternativas ao dólar.

Embora os comentários do presidente russo não sejam um sinal verde para que mercados de petróleo mudem para cripto, eles ainda são uma indicação relativamente explícita do interesse do líder do país na proposta.

A Rússia depende da exportação de petróleo e de gás natural – mercados que são negociados em dólar.

O início das sanções abrangentes, após a anexação da Península da Crimeia, em 2014, sufocou a economia do país, com o rublo (moeda oficial russa) perdendo mais da metade de seu valor em relação à moeda americana.

O valor das exportações de petróleo cru e do gás natural ainda tem de recuperar os níveis obtidos em 2014.

Durante a entrevista, Putin também disse que os Estados Unidos “estão cometendo um grande erro ao usar o dólar como instrumento de sanções”, referindo-se, em seguida, à recente queda do dólar como porcentagem de reservas globais.

O momento da entrevista realizada hoje (14) é significativo, visto que a Casa Branca convocou 32 países para um debate virtual sobre ransomware. Será uma conferência para a qual a Rússia não foi convidada.

Em uma coletiva de imprensa da Casa Branca, um representante sênior afirmou: “não convidamos os russos para participarem por um conjunto de fatores, incluindo diversas restrições.”

Entre essas restrições, a principal delas é que o governo Biden tem, cada vez mais, visto a Rússia como um polo de ataques cibernéticos globais e de grupos de ataques de ransomware.

Em setembro, o Departamento do Tesouro anunciou suas primeiras sanções contra Suex, uma corretora cripto e mesa de mercado de balcão com sede em Moscou e São Petersburgo, acusada de facilitar saques a esquemas de grupos de ransomware e lavar dinheiro.

theblockcrypto.com © 2020 - The Block Crypto, Inc. All rights reserved. Todos os direitos reservados.

Última atualização por Vitória Martini - 14/10/2021 - 17:23

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado cripto?
Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto
Pela Web