Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Quero-Quero será restituída em R$ 20 milhões em impostos

18/08/2020 - 20:40
lojas Quero Quero
“A companhia reforça que, para aproveitamento do referido crédito, tomará as providências cabíveis seja na esfera judicial”, afirmou (Imagem: Facebook/Lojas Quero-Quero)

A lojas Quero-Quero (LJQQ3) será restituída em aproximadamente R$ 20 milhões após decisão favorável da Justiça para a exclusão do Imposto de Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) da base de cálculo da contribuição ao Programa de Integração Social (PIS) e da Contribuição para Financiamento da Seguridade Social (Cofins) entre os anos de 2010 e 2017, revela comunicado enviado ao mercado nesta terça-feira (17).

“A companhia reforça que, para aproveitamento do referido crédito, tomará as providências cabíveis seja na esfera judicial, via cumprimento de sentença, ou na esfera administrativa, perante a Receita Federal do Brasil”, informa.

Resultados

A varejista reportou lucro líquido de R$ 4,4 milhões no segundo trimestre.

A cifra representa um salto de 228,4% sobre o mesmo período do ano passado, quando lucrou R$ 1,4 milhão.

A margem líquida melhorou 0,8 ponto percentual na comparação, subindo de 0,5% para 1,3%. Já a receita líquida cresceu 20,7%, para R$ 349,1 milhões.

As vendas pelo critérios de mesmas lojas (aquelas em operação há, pelo menos, 12 meses) cresceram 7,2%. A Quero-Quero encerrou junho com 362 lojas, das quais, nove foram inauguradas entre abril e junho.

Veja o documento:

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Leia mais sobre: , , , , ,

Última atualização por Renan Dantas - 18/08/2020 - 20:40