Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Reguladores da China proíbem negociação e mineração de criptomoedas, bitcoin desaba

24/09/2021 - 11:19
bitcoin laptop notebook
O bitcoin, maior criptomoeda do mundo, caiu mais de 6% para 42.2167 dólares após a notícia (Imagem: Unsplash/Aleksi Räisä)

Reguladores da China intensificaram nesta sexta-feira a repressão às criptomoedas, proibindo todas as transações e mineração desses ativos, atingindo o Bitcoin (BTC) e outras moedas e pressionando ações ligadas ao setor e ao blockchain.

Dez agências, incluindo banco central, reguladores bancários, de valores mobiliários e de câmbio, prometeram trabalhar juntas para erradicar a atividade “ilegal” de criptomoeda, a primeira vez que as agências uniram forças para proibir explicitamente todas as atividades com criptomoedas.

“Ficou claro que a China não apoiará o desenvolvimento do mercado de criptomoedas, pois vai contra suas políticas de elevar o controle sobre o fluxo de capital e as tecnologias”, disse George Zarya, presidente da Bequant, em Londres.

O Banco do Povo da China (PBOC) informou que as criptomoedas não devem circular como moedas tradicionais e que as bolsas estrangeiras estão proibidas de fornecer serviços aos investidores do país via internet, cortando empresas como Coinbase e Binance da segunda maior economia do mundo.

O PBOC também barrou que instituições financeiras, empresas de pagamento e firmas de Internet facilitem o comércio de criptomoedas em nível nacional.

Bitcoin China
O Banco do Povo da China (PBOC) informou que as criptomoedas não devem circular como moedas tradicionais e que as bolsas estrangeiras estão proibidas de fornecer serviços aos investidores do país via internet (Imagem: Pixabay/ RABAUZ)

O governo chinês “reprimirá resolutamente a especulação com moeda virtual e atividades financeiras correlatas e mau comportamento, a fim de salvaguardar as propriedades das pessoas e manter a ordem econômica, financeira e social”, disse o PBOC.

O bitcoin, maior criptomoeda do mundo, caiu mais de 6% para 42.2167 dólares após a notícia.

Moedas que normalmente acompanham o bitcoin, também caíram. Ether e XRP sofreram quedas de 10% cada.

A declaração ocorreu depois que o Conselho de Estado da China prometeu em maio reprimir a mineração e comércio de bitcoins como parte de um esforço mais amplo para mitigar os riscos do sistema financeiro, sem entrar em detalhes.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Rafael Borges - 24/09/2021 - 11:19

Cotações Crypto
Pela Web