Safra de milho do Brasil deve cair em 3 milhões de toneladas para 93,38 milhões de toneladas

08/07/2021 - 10:22
Grãos Commodities Caminhões Logística Agronegócio
Impactos da seca puxaram a queda da previsão elaborada pela Conab sobre a safra de milho 2020/21 (Imagem: Reuters/Paulo Whitaker)

A safra total de milho do Brasil 2020/21 foi estimada nesta quinta-feira em 93,38 milhões de toneladas, com um corte de cerca de 3 milhões de toneladas ante a projeção do mês anterior, em meio a impactos da seca para a colheita de inverno, de acordo com dados da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

A segunda safra, que está sendo colhida, foi reduzida para 66,97 milhões de toneladas, ante 69,96 milhões na previsão anterior e 75 milhões de toneladas na temporada passada.

A safra de algodão, que está sendo colhida, foi estimada em 2,34 milhões de toneladas (pluma), estável ante previsão anterior, mas uma queda de 22% na comparação anual.

A estimativa para a safra de trigo do Brasil, que está terminando de semear as lavouras, foi elevada para 8,48 milhões de toneladas, ante 6,94 milhões na previsão anterior, segundo a Conab.

Já a produção de soja do país, com colheita encerrada, foi ajustada para 135,9 milhões de toneladas, ante 135,86 milhões na previsão anterior.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado agro?
Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Lucas Eurico Simões - 08/07/2021 - 10:22

Cotações Crypto
Pela Web