Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Valter Outeiro: Tecnologia e descolamento

08/09/2020 - 12:47
“Mais do que estabilidade da moeda, a questão principal é como atrair o investimento”, diz o colunista (Imagem: Shutterstock)

“A casa está bonita
A dona está demais
A última visita
Quanto tempo faz?”

Suburbano Coração – Chico Buarque

Investidores permanecem ansiosos para entrarem na bolsa, só aguardando, pela avaliação do Morgan Stanley Wealth Management, possíveis benefícios de estabilização do real.

Mais do que estabilidade da moeda, a questão principal é como atrair o investimento. Quais empresas estariam capacitadas a desenvolver tecnologia?

O Bank of America Merrill Lynch mostra a inversão da participação dos setores nos mercados emergentes, de energia e materiais em 2008 para tecnologia e consumo em 2020:

Sem crescimento não existe consumo. Sem desenvolvimento científico não há tecnologia. Sem os dois, impossível ter prosperidade.

Mercados separados de suas almas

“Mas há milhões desses seres
Que se disfarçam tão bem
Que ninguém pergunta
De onde essa gente vem”

Brejo da Cruz – Chico Buarque

Nos EUA, a percepção de que a bolsa está cara ganha corpo e narrativa, muito descolada da economia real:

(Fonte: Morgan Stanley Wealth Management)

Falando em descolamento, a queda da taxa de desemprego nos EUA surpreende (muito abaixo das projeções) a cada dia, caindo vertiginosamente.

A taxa de desemprego caiu para 8,4% em agosto, com trajetória descendente desde o pico de 14,7% em abril.

O vice-presidente Mike Pence afirmou à CNBC que o crescimento do mercado de trabalho e a taxa de desemprego de somente um dígito “é uma evidência real de que o retorno dos EUA está em andamento”.

Comentei em coluna no Money Times em junho sobre o milagre do Departamento de Trabalho dos EUA que deixou todos perplexos e surpresos.

Ainda no tema deslocamento da economia e dos mercados, análise do Goldman Sachs aponta que os preços dos ativos subiram muito mais do que os preços na economia real:

(Fonte: Goldman Sachs)

Finalizo com um gráfico sobre o P/L (Preço sobre o Lucro) do S&P 500 em relação a 2001 e, no nível atual, no maior patamar desde 29 de dezembro de 1998.

(Fonte: Zero Hedge, Bloomberg)

Aqui na Inversa, trabalhamos arduamente durante todos os dias da semana, de domingo a domingo, monitorando os mercados e trazendo sempre as melhores ideias de investimento para você.

Não se preocupe. Venha conosco. Estamos aqui. No mesmo barco.

Um grande abraço,

Valter.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Diana Cheng - 08/09/2020 - 12:49