Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Wall Street fecha em baixa à espera de dados de inflação e de reunião do Fed

10/12/2021 - 18:19
Wall Street
Uma leitura acima do esperado fortaleceria o cenário para uma decisão de aperto monetário na reunião do banco central dos EUA (Imagem: Pixabay)

Wall Street fechou em baixa nesta quinta-feira, com investidores realizando lucros após três dias consecutivos de ganhos e voltando o foco para os dados de inflação que serão divulgados na sexta e podem influenciar a reunião do Federal Reserve (Fed, banco central norte-americano) da próxima semana.

Investidores aguardavam o índice de preços ao consumidor (CPI, em inglês) dos EUA de novembro.

Uma leitura acima do esperado fortaleceria o cenário para uma decisão de aperto monetário na reunião do banco central dos EUA.

Nos primeiros três dias da semana, o Nasdaq subiu 4,7%, o S&P avançou 3,6% e o Dow subiu 3,4%, à medida que diminuíam as preocupações sobre a variante Ômicron.

Joe Quinlan, estrategista-chefe de mercado do escritório de CIO do Bank of America, disse que investidores podem estar embolsando lucros e pausando as compras após três dias de ganhos.

“Também pode haver um pouco de aversão a risco antes do número do CPI na sexta-feira”, disse ele. “Se chegar mais quente do que o esperado, realmente colocará o foco na reunião do Fed. A pressão aumentaria sobre o Fed para uma redução mais rápida.”

Uma pesquisa da Reuters com economistas mostrou que a expectativa é que o Fed as taxas de juros em 25 pontos-base para 0,25%-0,50% no terceiro trimestre do ano que vem. No entanto, a maioria apontou o risco de um aumento ainda mais cedo.

O Dow Jones (DJI) fechou com variação negativa de 0,06 ponto para 35.754,69 pontos, o S&P 500 (SPX) recuou 0,72%, para 4.667,45 e o Nasdaq Composite (US100) teve queda de 1,71%, para 15.517,37 pontos.

Nove dos 11 principais setores do S&P tiveram queda, com o setor de consumo discricionário, que caiu 1,7%, apresentando a maior perda, seguido pelos setores imobiliário (-1,4%), e de tecnologia da informação (-1%).

Os únicos setores que tiveram alta foram o de saúde, com aumento de 0,2%, e o de produtos básicos de consumo, que teve variação positiva de 0,06%.

Última atualização por André Luiz - 10/12/2021 - 18:19

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?
Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto