Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Ação da Oi salta, com Highline escanteada e TIM, Vivo e Claro mais perto de acordo

05/08/2020 - 13:38
Oi OIBR3
Joia da coroa: ativos móveis da Oi são cobiçados por operadoras e investidores (Imagem: Twitter/Oi)

As ações da Oi (OIBR3) sobem num ritmo mais intenso que o do Ibovespa nesta quarta-feira (5), após a Reuters noticiar que a negociação exclusiva com a Highline, cujo prazo expirou na última sexta-feira (3), não chegou a um acordo satisfatório. Com isso, crescem as chances de a Oi Móvel ser vendida, por um valor maior, para o consórcio de operadoras brasileiras.

Às 13h27, as ações da Oi subiam 5,16% e eram cotadas a R$ 1,63, enquanto o Ibovespa avançava 1,48%, para os 102.718 pontos. Na mínima do dia, até agora, os papéis foram negociados por R$ 1,56. Na máxima, chegaram a R$ 1,66.

Como se sabe, a Highline saiu na frente, na disputa pelos ativos móveis da Oi, com uma oferta não revelada, mas que se sabe ser superior a R$ 15 bilhões – o mínimo que a Oi aceita para fechar o negócio. As empresas iniciaram, então, um período de negociação exclusiva.

Leilão

A venda só será decidida no quarto trimestre, por meio de um leilão entre os interessados. Mas, até lá, os potenciais compradores negociam o chamado “stalking-horse”, isto é, o direito de apresentarem a melhor oferta – aquela que deve ser superada pelos rivais.

Durante o período de exclusividade com a Highline, a Oi recebeu uma proposta de R$ 16,5 bilhões do consórcio formado pela TIM (TIMP3), Claro e Vivo (VIVT4). Além disso, caso a venda seja concretizada, as três se comprometem também a assinar contratos de longo prazo para utilizar a rede de fibras ópticas da Oi.

Parte dos analistas aposta na vitória do trio, dadas as sinergias que seriam geradas com a consolidação do setor.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Márcio Juliboni - 05/08/2020 - 13:38